SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 issue4Challenges in current chronic myeloid leukemia therapy of imatinib era author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia

Print version ISSN 1516-8484On-line version ISSN 1806-0870

Abstract

SILVA, Célia R. G.; JORGE, Antonio O. C.  and  HIRTSCH, Iracema M. V.. Aloanticorpo anti-Diego (a) em gestante. Rev. Bras. Hematol. Hemoter. [online]. 2004, vol.26, n.4, pp.285-287. ISSN 1516-8484.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-84842004000400010.

O sistema de grupo sangüíneo Diego é composto principalmente por dois antígenos Diegoa (Dia) e Diegob (Dib). A prevalência de Dia na população caucasóide é rara com uma freqüência de aproximadamente de 0,02%, podendo gerar anticorpos que são clinicamente significantes em medicina transfusional e neonatal. O presente estudo relata anti-Dia em gestante caucasóide detectado nos exames realizados no pré-parto por meio do teste indireto de antigamaglobulina humana. Na amostra de sangue de cordão foi realizado o teste de antigamaglobulina direto e o resultado foi negativo, o fenótipo do recém-nascido revelou Di (a - b +); portanto, a criança não desenvolveu doença hemolítica perinatal. O estudo fenotípico realizado em toda a família revelou que a sensibilização materna provavelmente ocorreu na segunda gestação gemelar onde as duas crianças demonstraram a presença de antígeno Dia adquirido por herança paterna.

Keywords : Aloimunização; anti-Diegoª; grupo sangüíneo Diego; incompatibilidade materno-fetal.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License