SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 número3Importância dos testes sorológicos de triagem e confirmatórios na detecção de doadores de sangue infectados pelo vírus da hepatite CHTLV-1/2 transfusional e hemovigilância: a contribuição dos estudos de look-back índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia

versão impressa ISSN 1516-8484

Resumo

PEREIRA, Juliana; PEDROSO-MEIRELES, Ana Luísa L.; GODOY, Carla R. T.  e  CHAMONE, Dalton A. F.. Papel da célula endotelial em neoplasias malignas hematológicas. Rev. Bras. Hematol. Hemoter. [online]. 2008, vol.30, n.3, pp. 223-228. ISSN 1516-8484.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-84842008000300012.

A neoformação vascular constitui evento essencial para que ocorra o desenvolvimento humano. Nesta fase, o sistema vascular sofre expansão. Células endoteliais maduras (ECs) irão compor a parede dos vasos, enquanto células endoteliais oriundas da medula óssea (MO) migram para locais de neoformação vascular com subseqüente diferenciação em células endoteliais maduras. Processos fisiológicos e patológicos como câncer têm a angiogênese como importante componente. Estudos correlacionam a angiogênese com a agressividade tumoral em alguns tipos de tumores incluindo hematológicos, o que ressalta a importância da terapia antiangiogênica como alvo de pesquisas cada vez mais profundas. Neste artigo de revisão enfocamos o papel da angiogênese nas neoplasias hematológicas com ênfase em possíveis alvos terapêuticos.

Palavras-chave : Angiogênese; célula endotelial; neoplasia hematológica.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português