SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.44 issue3Organophosphate and carbamate poisonings in the northwest of Paraná state, Brazil from 1994 to 2005: clinical and epidemiological aspectsLead and cadmium levels in tea traded in the metropolitan area of Belo Horizonte author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Ciências Farmacêuticas

Print version ISSN 1516-9332

Abstract

PARO, Ana Helena; AIZENSTEIN, Moacyr Luiz; DELUCIA, Roberto  and  PLANETA, Cleópatra Silva. Exposição repetida à cafeína aumenta a atividade locomotora induzida pelo femproporex em ratos adolescentes e adultos. Rev. Bras. Cienc. Farm. [online]. 2008, vol.44, n.3, pp. 417-424. ISSN 1516-9332.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-93322008000300011.

A cafeína e o femproporex são substâncias psicoestimulantes. O femproporex é muito utilizado no Brasil como anorexígeno enquanto a cafeína é amplamente consumida como constituinte regular da dieta. A administração repetida de psicoestimulantes induz sensibilização comportamental que se caracteriza pelo aumento progressivo dos seus efeitos locomotores. Pode ocorrer ainda sensibilização cruzada entre essas substâncias. Investigamos se a administração repetida de cafeína aumenta a locomoção induzida pelo femproporex em ratos adolescentes e adultos. Quarenta e oito ratos adolescentes (dia pós-natal 27) e 32 adultos (dia pós-natal 60) foram distribuídos em dois grupos que receberam injeção intra-peritoneal de 10,0 mg/kg de cafeína (CAF) (adolescentes N = 24; adultos N = 16) ou salina (SAL) (adolescentes N = 24; adultos N = 16) diariamente durante 10 dias. Três dias após a última injeção, cada grupo CAF ou SAL foi subdividido em dois subgrupos que receberam injeção i.p. de salina (SAL) (1 mL/kg) ou femproporex (FEM) (2,0 mg/kg). Após as injeções, a atividade locomotora foi avaliada automaticamente em intervalos de 5 minutos durante 1 hora. Nossos resultados demonstraram que em ratos adolescentes e adultos o pré-tratamento com CAF aumenta a atividade locomotora induzida pela administração aguda de FEM, sugerindo que a cafeína causa sensibilização aos efeitos locomotores desse derivado anfetamínico.

Keywords : Cafeína; Femproporex; Atividade locomotora [estudo experimental]; Psicoestimulantes.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese