SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.29 número2Evaluation of mitochondrial activity in the cell death process in breast tumor cells after treatment with Cyclosporine A and Photosan3®An angel for ALS: architecture based on computer vision applied for on-line monitoring respiratory parameters of patients with Amyotrophic Lateral Sclerosis (ALS) in hospital environment índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Revista Brasileira de Engenharia Biomédica

versión ISSN 1517-3151

Resumen

MACIEL, Thiago dos Santos; SILVA, Jefferson da; JORGE, Felipe Sampaio  y  NICOLAU, Renata Amadei. A influência do laser 830 nm no desempenho do salto de atletas de voleibol feminino. Rev. Bras. Eng. Bioméd. [online]. 2013, vol.29, n.2, pp.199-205. ISSN 1517-3151.  https://doi.org/10.4322/rbeb.2013.020.

INTRODUÇÃO: Estudos demonstram que laserterapia pode melhorar o desempenho muscular e retardar o processo de fadiga muscular. Contudo poucos estudos referem-se à quantificação do desempenho por meio da biofotometria. O objetivo desse estudo é verificar os possíveis efeitos da fototerapia em relação a atividade e fadiga muscular. MÉTODOS: Foi realizado um ensaio clínico duplo-cego controlado randomizado com sete indivíduos adultos, atletas universitárias de voleibol feminino, saudáveis. A atividade muscular foi quantificada por meio da eletromiografia e os saltos pela biofotometria. A laserterapia (830nm, 30mW, 11J /ponto e 22 segundos) foi realizada no músculo tríceps sural a cada 3 cm2 totalizando uma média de 20 pontos. Empregou-se o teste de Kolmogorov-Smirnov para análise da distribuição dos dados. RESULTADOS: Após o teste de normalidade o teste t-Student foi aplicado, considerando-se um nível de significância de 5% (p < 0,05). Não foi observada influência do laser em relação às variáveis estudadas. CONCLUSÃO: Apesar de muitos estudos demostrarem a correlação da fototerapia com a atividade muscular e fadiga, este estudo não apontou qualquer correlacão da laserterapia com a atividade e fadiga muscular.

Palabras clave : Laserterapia; Biofotometria; Desempenho muscular; Atividade muscular; Fadiga.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons