SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 número48Franz Kafka, Fernando Pessoa e Mário de Andrade: o alcance das pequenas literaturasConfiança nas polícias: percepção dos residentes e desafios para a gestão índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Sociologias

versão impressa ISSN 1517-4522versão On-line ISSN 1807-0337

Resumo

NUNES, João Arriscado; COSTA, Daniel Neves da; CARVALHO, António  e  MATOS, Ana Raquel. A emergência do sujeito participativo: interseções entre ciência, política e ontologia. Sociologias [online]. 2018, vol.20, n.48, pp.162-187. ISSN 1517-4522.  https://doi.org/10.1590/15174522-020004811.

Nas últimas décadas, os dispositivos de participação pública têm registado um crescimento exponencial. Estes procedimentos podem assumir uma diversidade de configurações, gerando um número de questões teóricas e práticas. A partir da análise de dois estudos de caso - grupos de discussão sobre nanotecnologias em Coimbra, Portugal, e Conselhos de Saúde em Belo Horizonte, Brasil - este artigo oferece uma reflexão sobre as questões políticas e metodológicas relacionadas com a conceção e implementação de procedimentos participativos. A análise explora a emergência do cidadão participativo, associado a capacidades e formas de conhecimento que permitem a intervenção em espaços deliberativos. Argumenta-se que os dispositivos participativos e os processos de subjetivação estão interligados, dialogando-se com as reflexões de Foucault sobre subjetividade e com abordagens pós-humanistas no âmbito dos Estudos Sociais de Ciência e Tecnologia. Os dois estudos de caso ilustram como os procedimentos participativos geram novas capacidades epistémicas, retóricas e normativas associadas à habilitação e subjetivação dos participantes. Dessa forma, o artigo explora os aspetos políticos das práticas, metodologias e processos que suportam o envolvimento de cidadãos em ciência, tecnologia e saúde, contribuindo para a desnaturalização do sujeito participativo e para o reconhecimento da dimensão performativa das ciências sociais.

Palavras-chave : Participação pública em Ciência e Tecnologia; Viragem ontológica; Estudos Sociais de Ciência e Tecnologia; Nanotecnologias; Conselhos de Saúde.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )