SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue3Weak interfaces in alumina/alumina CMCS author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Matéria (Rio de Janeiro)

On-line version ISSN 1517-7076

Abstract

BARATA, M.S.  and  ANGELICA, R.S.. Atividade pozolânica dos resíduos cauliníticos das indústrias de mineração de caulim da Amazônia. Matéria (Rio J.) [online]. 2011, vol.16, n.3, pp. 797-810. ISSN 1517-7076.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-70762011000300007.

As regiões do Rio Capim e do Rio Jari são os principais distritos caulinitícos da Região Amazônica, detentores das maiores reservas brasileiras de caulim de alta alvura para aplicações como cobertura de papel. No processamento do caulim são gerados vários tipos de resíduos processados e não processados. O objetivo deste trabalho foi investigar a reatividade das pozolanas produzidas a partir da calcinação e moagem destes resíduos, avaliando a influência da mineralogia de cada tipo de caulinita (com maior ou menor quantidade de defeitos na estrutura cristalina) sobre a temperatura de queima e, consequentemente, nas características do produto final, de modo a obter o material de maior reatividade com um menor dispêndio de energia. Os resultados mostraram que as pozolanas produzidas a partir dos resíduos apresentaram alta reatividade, sendo inclusive superiores as das obtidas com as pozolanas disponíveis comercialmente. As pozolanas produzidas das caulinitas com maior grau de defeitos na estrutura cristalina demandaram temperaturas mais reduzidas que a com menor grau de defeitos. O emprego de caulinitas com maior quantidade de defeitos na estrutura cristalina reduz os custos de produção das pozolanas, sem que haja perda de qualidade ou de reatividade do produto.

Keywords : resíduos; pozolana; metacaulim; calcinação; alta reatividade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese