SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 número1Avaliação in vitro da atividade antibacteriana da água ozonizada frente ao Staphylococcus aureusInfluência do modo de armazenamento na microinfiltração de dentes decíduos restaurados com diferentes sistemas adesivos: estudo in vitro índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Pesquisa Odontológica Brasileira

versão impressa ISSN 1517-7491

Resumo

FERREIRA, Rívea Inês; BARREIRA, Alice Kelly; SOARES, Carolina Dias  e  ALVES, Alessandra Castro. Prevalência de características da oclusão normal na dentição decídua. Pesqui. Odontol. Bras. [online]. 2001, vol.15, n.1, pp. 23-28. ISSN 1517-7491.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-74912001000100005.

O objetivo deste estudo foi verificar os padrões oclusais normais da dentição decídua em crianças pré-escolares brasileiras. A amostra foi constituída por 356 crianças, de ambos os sexos, na faixa etária de 3-5 ½ anos e residentes na cidade de Salvador. O exame de oclusão foi realizado na sala de aula, por duas examinadoras, utilizando-se uma espátula de madeira. Os dados foram analisados pelo EPI-INFO 6.02, aplicando-se o teste c2. A freqüência do arco tipo I foi de 43,3% para a arcada superior e 46,3% para a inferior. O arco tipo II esteve presente em 56,7% das arcadas superiores e em 53,7% das inferiores, entretanto, sem diferença entre os sexos. A distribuição dos espaços primatas foi de 89,9% para o arco superior e 67,1% no arco inferior, diminuindo significativamente tal prevalência com o aumento das idades (p < 0,01). A relação canina normal foi encontrada em quase 60% das crianças, para ambos os lados. Dos 712 planos terminais distais avaliados, 55,9% apresentaram plano terminal mesial para os segundos molares decíduos; 37,9% plano terminal reto e 6,2% degrau distal. Os resultados permitem concluir que a presença dos espaços interincisais generalizados, comumente relatados por outros autores, não foi o mais freqüente para ambos os arcos nesta amostra, contudo, os espaços primatas foram os mais prevalentes. Os freqüentes padrões normais de oclusão para as relações canino e molar foram os de Classe I.

Palavras-chave : Dentição primária; Oclusão dentária; Ortodontia preventiva.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português