SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número2Sphenospora kevorkianii, fungo causador de ferrugem (Uredinales: Raveneliaceae) na orquídea Pleurothallis mentigeraSensibilidade do kit Amplicor MRB na detecção direta de Mycobacterium tuberculosis em espécimes baciloscopia negativa índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Microbiology

versão impressa ISSN 1517-8382versão On-line ISSN 1678-4405

Resumo

GARCIA, Doroti de Oliveira et al. Proteases (caseinase e elastase), hemolisinas, adesão e sensibilidade a antimicrobianos em cepas de Stenotrophomonas maltophilia isoladas de amostras clínicas. Braz. J. Microbiol. [online]. 2002, vol.33, n.2, pp.157-162. ISSN 1517-8382.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-83822002000200012.

Quarenta e seis amostras de S. maltophilia obtidas de amostras clínicas foram estudadas quanto à produção de protease (caseinase e elastase), atividade hemolítica, adesão a células HEp-2, ao plástico e ao vidro. A sensibilidade aos agentes antimicrobianos também foi avaliada. A maioria das amostras foi obtida de secreções do trato respiratório de pacientes em uso de "dispositivos" médicos. Todas as amostras foram capazes de hidrolisar a caseína após o crescimento a 30ºC e 37ºC por 16-18hs. Após 72 hs, todas as amostras apresentaram atividade hemolítica após 96hs de incubação em ambas as temperaturas. A maior atividade hemolítica foi verificada com o sangue de coelho; após 96hs, 61% e 98% das amostras apresentaram b-hemólise a 30ºC e 37ºC, respectivamente. Todas as amostras foram sensíveis ao sulfametoxazol-trimetoprim e resistentes à maioria dos antimicrobianos b-lactâmicos testados. Através do método de diluição em ágar, S. maltophilia mostrou uma alta sensibilidade à ticarcilina-ácido clavulânico e uma menor sensibilidade à ciprofloxacina do que pelo método de difusão em ágar. As amostras mostraram adesão às células HEp-2, ao plástico e ao vidro. A atividade proteolítica e adesão a superfícies inanimadas detectadas em S. maltophilia podem estar relacionadas à patogênese desta bactéria. A colonização de "dispositivos" médicos favorece o desenvolvimento de infecções hospitalares.

Palavras-chave : Stenotrophomonas maltophilia; proteases; elastase; hemolisinas; adesão; agentes microbianos.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons