SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 suppl.1Controle de qualidade de meios de cultura microbiológicas: Suficiente para atender os procedimentos NCCLS M22-A2?Atrofia tímica e virulência fúngica durante a paracoccidioidomicose experimental índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Microbiology

versão impressa ISSN 1517-8382versão On-line ISSN 1678-4405

Resumo

MENEZES, Caroline Anunciação et al. Imunoensaio de captura para detecção da toxina LT produzida por Escherichia coli enterotoxigênica em isolados bacterianos. Braz. J. Microbiol. [online]. 2003, vol.34, suppl.1, pp.11-13. ISSN 1517-8382.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-83822003000500004.

O objetivo do presente trabalho foi a padronização de um imunoensaio de captura para detecção de amostras de E. coli produtoras da toxina LT-I. Este ensaio de captura foi desenvolvido utilizando-se a fração enriquecida em IgG do anticorpo policlonal anti-LT e um anticorpo monoclonal caracterizado como IgG2b. Através deste método verificou-se uma clara distinção entre cepas de E. coli produtoras e não produtoras da toxina (p< 0,0001), sendo a sensibilidade do método de 78%, a especificidade de 94% e a eficiência de 92%. Assim, o imunoensaio de captura mostrou-se como uma ferramenta sensível para a detecção de amostras de E. coli que produzem a enterotoxina termo-lábil, podendo ser aplicado em laboratórios clínicos e inquéritos epidemiológicos em paises em desenvolvimento.

Palavras-chave : detecção; anticorpo policlonal; anticorpo monoclonal; toxina termo-lábil; E. coli.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons