SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 número2Analysis of the genetic diversity of vancomycin-resistant Staphylococcus aureusProduction and use of mutanase from Trichoderma harzianum for effective degradation of streptococcal mutans índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Brazilian Journal of Microbiology

versión impresa ISSN 1517-8382

Resumen

BRUDER, Juliana; GODRY, Renata Cristina; TAKEI, Kioko  y  CUNHA, Regina Ayr Florio da. Caracterização de proteinas imunodominantes de Mycoplasma penetrans e Mycoplasma fermentans. Braz. J. Microbiol. [online]. 2005, vol.36, n.2, pp. 131-136. ISSN 1517-8382.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-83822005000200007.

Micoplasmas são procariotos diminutos, desprovidos de parede celular e envoltos por uma membrana lipoproteica cujo pequeno genoma sintetiza a maioria das moléculas necessárias para crescimento e replicação. Dentre as dezesseis espécies isoladas do homem, Mycoplasma pneumoniae, agente causador da pneumonia atípica primária, e as espécies do trato urogenital como Mycoplasma hominis,Ureaplasma urealyticum e Ureaplasma parvum têm definido seu papel patogênico. M. penetrans e M. fermentans, espécies associadas ao HIV, têm sido investigadas principalmente em laboratórios de pesquisa. Considerando a importância dos micoplasmas nas doenças humanas e a peculiar variação antigênica observada em tais espécies, foram caracterizadas, neste estudo, as lipoproteínas associadas a membranas (LAMP) de Mycoplasma penetrans e Mycoplasma fermentans. Para definir peptídeos com possível valor diagnóstico, empregamos as técnicas de ELISA e de Western blot usando soros de gestantes cujas amostras cervicais foram positivas por PCR. Por meio do ELISA foram observados anticorpos IgG anti-LAMP-M. fermentans em 57,5% e IgM em 74,5% das amostras. As três amostras PCR positivas para M. penetrans apresentaram anticorpos IgG anti-LAMP-M. penetrans e uma amostra positiva para IgM. IgA não foi detectada em nenhuma das espécies. A análise da LAMP, por Western blot, revelou como principais proteinas imunoreativas: 35, 38, 42, 61 and 103 kDa para M. penetrans e 29, 38, 41, 61, 78 and 95 kDa de M. fermentans. Dentre estas podemos considerar p35 específica para M. penetrans e p29, M. fermentans.Tais proteinas são promissoras como marcadores em diagnóstico.

Palabras llave : LAMP-peptídeos; Mycoplasma penetrans; Mycoplasma fermentans; ELISA; Western blot.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · pdf en Inglés