SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 issue3Viability and infectivity of an ectomycorrhizal inoculum produced in an airlift bioreactor and immobilized in calcium alginateChemical and microbiological characterization of mangrove sediments after a large oil-spill in Guanabara Bay - RJ - Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Brazilian Journal of Microbiology

Print version ISSN 1517-8382On-line version ISSN 1678-4405

Abstract

VITALI, Vera Maria Valle; MACHADO, Kátia Maria Gomes; ANDREA, Mara Mercedes de  and  BONONI, Vera Lúcia Ramos. Seleção de fungos mitospóricos para degradação de organoclorados. Braz. J. Microbiol. [online]. 2006, vol.37, n.3, pp.256-261. ISSN 1517-8382.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-83822006000300012.

Cinqüenta e cinco isolados de fungos filamentosos foram avaliados quanto a capacidade de descolorir o corante remazol brilliant blue R. Estes fungos foram isolados de solos da Região da Baixada Santista contaminados com resíduos industriais contendo uma mistura de organoclorados, principalmente hexaclorobenzeno. O crescimento dos fungos foi realizado em meio líquido de extrato de malte contendo 0,02% do corante, sob agitação de 200 rpm, durante 14 dias a 28ºC ± 2. Foi possível verificar, entre os fungos avaliados, dois comportamentos em relação ao corante: adsorção e degradação. Eupenicillium baarnense SSp1951 e sSp1952 e Eupenicilliumcrustaceum SSP1953 apresentaram altas porcentagens de descoloração do RBBR. Estes fungos foram, então, avaliados quanto a sua capacidade de degradar 14C-hexaclorobenzeno (4138,31 mg de hexaclorobenzeno kg-1 de solo) durante 56 dias a 28ºC ± 2. Eupenicillium crustaceum SSP1953 foi capaz de reduzir em 24,6% os 14C-compostos solúveis em n-hexano e formar 20,5% de 14C-resíduos não extraíveis. As duas linhagens de E. baarnense (Ssp1951 e Ssp1952) também apresentaram o mesmo comportamento, porém com porcentagens inferiores à observada para Eupenicillium crustaceum. A principal ação de Eupenicillium spp sobre hexaclorobenzeno foi transformá-lo em 14C-resíduos não extraíveis, como comprovaram os resultados da cromatografia gasosa.

Keywords : descoloração de RBBR; biorremediação de solo; degradação de organoclorados; xenobióticos.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License