SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue2Isolation of filamentous fungi from public telephones of the Metropolitan region of the city of Recife, PE, BrazilAssociation between the concentration of protozoa and surrogates in effluents of the slow sand filtration for water treatment author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Brazilian Journal of Microbiology

Print version ISSN 1517-8382

Abstract

ANDRADE, Luciana et al. Distribuição de bactérias HNA e LNA no Oceano Atlântico sudoeste. Braz. J. Microbiol. [online]. 2007, vol.38, n.2, pp. 330-336. ISSN 1517-8382.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-83822007000200028.

Um estudo do bacterioplâncton foi realizado numa área extensa do Oceano Atlântico Sudoeste entre 13 e 25ºS e 28 e 42ºW. As amostras foram coletadas em 108 estações oceanográficas a 20 m de profundidade. A abundância bacteriana foi determinada por citometria de fluxo após coloração dos ácidos nucléicos com Syto13. Dois grupos de bactérias foram enumerados e distinguidos: bactérias com alto conteúdo de ácidos nucleicos (HNA) e bactérias com baixo conteúdo de ácidos nucleicos (LNA). O número de bactérias variou de 0,37 a 5,53 105 células mL-1. As células HNA representaram de 15 a 70% da abundância total enquanto as células LNA representaram de 30 a 85%. A produção bacteriana foi determinada por incorporação de leucina tritiada e variou de 2,7 a 171,07 ng C L-1 h-1. A correlação entre abundância e produção bacterianas não foi significativa. Entretanto uma análise multivariada realizada entre abundância, produção, clorofila a e outros dados oceanográficos revelou que a distribuição dos dois grupos em diferentes províncias oceânicas pode ser atribuída a disponibilidade de nutrientes. As bactérias HNA foram responsáveis pelo maior percentual de células na área ao norte de 19ºS e estiveram relacionadas às águas quentes e aos nutrientes de origem pluvial. As bactérias LNA foram dominantes ao sul dessa latitude e estiveram relacionadas à disponibilidade de nitrato cujos valores foram mais altos nessa região.

Keywords : abundância bacteriana; bactérias HNA; bactérias LNA; citometria de fluxo; Oceano Atlântico Sudoeste.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English