SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue4Isolation of Shiga toxigenic Escherichia coli from butcheries in Taquaritinga city, State of São Paulo, BrazilEvaluation of Origanum vulgare essential oil as antimicrobial agent in sausage author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Brazilian Journal of Microbiology

Print version ISSN 1517-8382

Abstract

BARROS, Márcia de Aguiar Ferreira et al. Listeria spp. associado a diferentes níveis da microbiota autóctone de carne, produtos cárneos e plantas de processamento. Braz. J. Microbiol. [online]. 2007, vol.38, n.4, pp. 603-609. ISSN 1517-8382.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-83822007000400005.

Altos níveis de contaminação microbiana, usualmente encontrados em alimentos de origem animal e nos ambientes de processamento, podem inibir a multiplicação de microrganismos patogênicos nesses produtos e interferir nos resultados das análises laboratoriais para o isolamento desses patógenos. Com o objetivo de verificar as possíveis interferências da microbiota autóctone encontrada na carne, produtos cárneos e plantas de processamento sobre a presença de Listeria spp., 443 amostras, coletadas em 11 estabelecimentos processadores, foram submetidas a análises microbiológicas para determinação dos níveis de contaminação por aeróbios mesófilos, coliformes totais e Escherichia coli e para verificação da presença de Listeria spp., de acordo com a metodologia proposta pelo USDA. Os resultados obtidos não mostraram uma interferência evidente da microbiota autóctone sobre Listeria spp., uma vez que esse gênero foi detectado mesmo nas amostras de carne e produtos cárneos e amostras ambientais e de superfície de equipamentos que apresentaram altos níveis de contaminação por aeróbios mesófilos e coliformes.

Keywords : carne; Listeria spp.; microbiota autóctone.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English