SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 número3Atividade antibacteriana de quatro anti-sépticos bucais contendo triclosan contra Staphylococcus aureus da salivaIsolamento de cepas de Pseudomonas aeruginosa provenientes do meio ambiente e de equipos dentarios em clinicas dentarias em Barretos, São Paulo, Brasil; analises da susceptibilidade das cepas a drogas antimicrobianas índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Microbiology

versão impressa ISSN 1517-8382versão On-line ISSN 1678-4405

Resumo

FERNANDES, Thales Allyrio Araújo de Medeiros et al. Infecção por papilomavírus humano em mulheres atendidas em um serviço de prevenção ao câncer do colo do útero em Natal, Brasil. Braz. J. Microbiol. [online]. 2008, vol.39, n.3, pp.573-578. ISSN 1517-8382.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-83822008000300031.

Foram analisados espécimes cervicais de 202 mulheres, com idade variando de 15 e 64 anos, atendidas no Hospital Luis Antonio, Natal-RN, objetivando determinar a prevalência do HPV, identificar genotipos do vírus e possíveis fatores de risco para a infecção por esse patógeno, em mulheres atendidas em um serviço de rastreamento do câncer do colo do útero. De cada paciente foram coletados dois espécimes: um destinado ao exame citológico e outro para detecção do HPV por PCR, com tipagem por hibridização "dot blot". Das pacientes incluídas no estudo, 54,5% apresentaram citologia normal e 45,5% tinham alterações citológicas. HPV foi detectado em 24,5% das mulheres com citologia normal, e em 59,8% das que apresentaram citologia alterada. Tanto a infecção por um único tipo de HPV, quanto a infecção simultânea por dois tipos diferentes do vírus aumentaram a chance de ocorrência de alterações citológicas. Foram identificados treze tipos de HPV, a maioria de alto risco. Nas infecções por um único tipo, o HPV 16 foi o mais prevalente, seguido do HPV 58. Na infecção dupla a associação mais freqüente foi entre HPV 56 e 57. A prevalência do HPV nas mulheres com citologia normal foi superior a relatada para países de todos os continentes, exceto África. Nas mulheres com alterações citológicas observou-se resultado inverso. A distribuição dos tipos de HPV foi semelhante à descrita para Américas, com algumas diferenças. Dos fatores de risco analisados, o relacionamento sexual com múltiplos parceiros foi o único que apresentou associação com a presença de infecção por HPV.

Palavras-chave : Papilomavírus humano; Doenças do colo do útero; Epidemiologia; Prevalência; Fatores de risco.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons