SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.40 issue2Purification and characterization of extracellular lipase from a new strain: Pseudomonas aeruginosa SRT 9Evaluation of a lipopeptide biosurfactant from Bacillus natto TK-1 as a potential source of anti-adhesive, antimicrobial and antitumor activities author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Brazilian Journal of Microbiology

Print version ISSN 1517-8382

Abstract

MILAGRE, H.M.S.; MARTINS, L.R.  and  TAKAHASHI, J.A.. Novos agentes para a hidrólise enzimática e fúngica do esteviosídeo. Braz. J. Microbiol. [online]. 2009, vol.40, n.2, pp. 367-372. ISSN 1517-8382.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-83822009000200029.

Um estudo comparativo do potencial de alguns agentes biológicos capazes de hidrolisar o esteviosídeo foi realizado, objetivando-se estabelecer uma metodologia alternativa para a obtenção da aglicona esteviol ou seu produto de rearranjo, isoesteviol, em rendimentos elevados que permitam o uso destas agliconas para o preparo de novos compostos bioativos. As reações de hidrólise foram realizadas usando fungos filamentosos (Aspergillus niger, Rhizopus stolonifer e Rhizopus arrhizus), uma levedura (Saccharomyces cerevisiae)e enzimas(pancreatina, lipase PL250 e lipase VFL 8000). A pancreatina mostrou a melhor atividade hidrolítica dentre os sistemas testados, fornecendo isoesteviol com rendimento de 93,9% em pH 4,0, usando tolueno como co-solvente. Esteviol foi produzido tanto usando pancreatina em pH 7,0 (20,2% de rendimento) quanto usando A. niger em pH 7,0 (20,8% de rendimento).

Keywords : esteviosídeo; hidrólise; Aspergillus niger; lipase; pancreatina.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English