SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 issue6Intramuscular lactic acid assessment through Raman spectrography: new perspectives in sports medicineThe influence of medium-chain triglycerides supplementation in ultra-endurance exercise performance author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Medicina do Esporte

Print version ISSN 1517-8692

Abstract

SILVA, Paulo Rodrigo Pedroso da; TRINDADE, Rafael de Souza  and  DE ROSE, Eduardo Henrique. Composição corporal, somatotipo e proporcionalidade de culturistas de elite do Brasil. Rev Bras Med Esporte [online]. 2003, vol.9, n.6, pp. 403-407. ISSN 1517-8692.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922003000600005.

O culturismo é um esporte que enfatiza a aparência física, a configuração e o formato corporais, buscando assim a excelência estética. A cineantropometria é uma ferramenta fundamental para guiar o curso do treinamento no culturismo. No entanto, existe escassez na produção de trabalhos científicos para essa população. O objetivo deste trabalho é descrever a composição corporal, o somatotipo e a proporcionalidade de 23 culturistas finalistas do Campeonato Brasileiro de Culturismo do ano de 2000. Os atletas foram avaliados momentos antes da competição e as seguintes variáveis determinadas: peso total, estatura, nove dobras cutâneas (triceptal, subescapular, biceptal, peitoral, axilar média, supra-ilíaca, abdominal, medial da coxa e medial da perna), dois perímetros musculares (braço fletido e perna) e três diâmetros ósseos (umeral, biestiloidal e femoral), conforme a metodologia proposta pela International Society for the Advancement of Kineanthropometry (ISAK). Os atletas apresentaram idades entre 20 e 56 anos e peso corporal entre 57,4kg e 105,8kg. O somatório das nove dobras cutâneas (S9DC) variou entre 38,4mm e 70,2mm. O somatotipo encontrado foi de 1,8-8,1-0,7, classificado como mesomorfo balanceado. O percentual médio de gordura foi de 9,65%, usando o protocolo de Faulkner, proposto pelo Grupo Brasileiro de Cineantropometria. O peso de gordura encontrado foi de 7,29kg. Quando comparados ao Phantom, os atletas estudados apresentaram maiores: peso corporal (Z = +1,66), perímetro de braço (Z = +5,26) e perímetro de perna (Z = +1,91). Conclui-se que os culturistas brasileiros de elite estudados apresentam baixo percentual de gordura e grande peso muscular, quando comparados com o modelo de Ross e Wilson (1974), sendo a sua estrutura corporal semelhante à dos culturistas da elite internacional.

Keywords : Culturismo; Composição corporal; Cineantropometria; Somatotipo; Proporcionalidade; Índice Z; Faulkner; Phantom.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese