SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 issue1Socioeconomic and maturational levels of young samba dancers from Rio de JaneiroThe supplementation of omega-3 lipids and medium chain triglicerides do not affect metabolic indicators in the exhaustion test author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Medicina do Esporte

Print version ISSN 1517-8692

Abstract

ALVES, Roseane Victor; MOTA, Jorge; COSTA, Manoel da Cunha  and  ALVES, João Guilherme Bezerra. Aptidão física relacionada à saúde de idosos: influência da hidroginástica. Rev Bras Med Esporte [online]. 2004, vol.10, n.1, pp. 31-37. ISSN 1517-8692.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922004000100003.

FUNDAMENTOS E OBJETIVOS: A prática de exercício físico, além de combater o sedentarismo, contribui de maneira significativa para a manutenção da aptidão física do idoso. O objetivo do estudo foi verificar o efeito da prática de hidroginástica sobre a aptidão física do idoso associada à saúde. METODOLOGIA: Foi realizado um ensaio controlado em 74 mulheres idosas, sem atividade física regular. Um grupo de 37 mulheres recebeu duas aulas semanais de hidroginástica durante três meses e outras 37 mulheres serviram como controle. A aptidão física foi avaliada através da bateria de testes de Rikli e Jones (1999), com avaliações de força e resistência de membros inferiores (levantar e sentar na cadeira), força e resistência de membros superiores (flexão do antebraço), flexão de membros inferiores (sentado, alcançar os membros inferiores com as mãos), mobilidade física - velocidade, agilidade e equilíbrio (levanta, caminha 2,44m e volta a sentar), flexibilidade dos membros superiores (alcançar atrás das costas com as mãos) e resistência aeróbica (andar seis minutos). A bateria de testes foi aplicada antes do início das aulas e no fim do programa após três meses. Os grupos foram semelhantes em relação a idade, IMC, renda familiar e anos de escolaridade. RESULTADOS: Ao longo dos três meses, foram acompanhadas 30 mulheres em cada grupo; perda amostral de 18,9%. Observou-se no grupo da hidroginástica um melhor desempenho em todos os pós-testes, quando comparados com os resultados do próprio grupo no pré-teste e com o controle no pós-teste (p < 0,05). CONCLUSÃO: Concluiu-se que a prática de hidroginástica para mulheres idosas sem exercícios físicos regulares contribuiu para a melhoria da aptidão física relacionada à saúde.

Keywords : Idoso; Sedentarismo; Atividade física; Hidroginástica; Aptidão física.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese