SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.12 issue2Regular physical exercises decrease the oxidant pulmonary stress in rats after acute exposure to mineral coalAssociation between nutritional status and physical activity in Municipal Schools in Corumbá - MS author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Medicina do Esporte

Print version ISSN 1517-8692

Abstract

SILVA, Bruno Araújo Rego Santos; MARTINEZ, Flávia Gomes; PACHECO, Adriana Moré  and  PACHECO, Ivan. Efeitos da fadiga muscular induzida por exercícios no tempo de reação muscular dos fibulares em indivíduos sadios. Rev Bras Med Esporte [online]. 2006, vol.12, n.2, pp. 85-89. ISSN 1517-8692.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922006000200006.

A fadiga muscular (FM) é um fenômeno comum nas atividades esportivas e diárias, resultando numa piora da performance motora. Ela é considerada um dos fatores causadores de lesões músculo-esqueléticas. A entorse de tornozelo é um exemplo: a FM afetaria tanto o sistema aferente quanto o eferente. Vários estudos têm analisado a influência da FM no controle neuromuscular (CNM); entretanto, existe pouca pesquisa sobre essa influência na velocidade de reação dos músculos. O objetivo deste estudo foi verificar os efeitos da FM no tempo de reação muscular (TRM) dos músculos fibulares, que são os primeiros a responder a um estresse em inversão do tornozelo. Foram estudados 14 indivíduos saudáveis masculinos (idade: 20-35 anos), que tiveram seus TRM avaliados por meio de eletromiografia (EMG) de superfície. O início da atividade muscular foi definido como a média de repouso + 3x o desvio-padrão (DP). O TRM dos fibulares foi mensurado após uma inversão súbita de 20º realizada numa plataforma. A inversão súbita foi realizada antes e depois da fadiga muscular, que foi induzida por exercícios localizados dos fibulares até a exaustão. Os resultados mostraram que houve um aumento significativo do tempo de reação muscular após a fadiga (p < 0,01). Durante atividades esportivas prolongadas e durante o processo de reabilitação, deve-se ter cautela na realização de tarefas que requeiram respostas musculares extremamente rápidas sob condições de fadiga muscular.

Keywords : Fadiga muscular; Tempo de reação muscular; Fibulares.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese