SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 issue3Validation of anthropometric equations for the estimation of body density in professional soccer playersOrthopaedic trauma injuries in paralympic athletes author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Medicina do Esporte

Print version ISSN 1517-8692

Abstract

ALBUQUERQUE, Patrícia Arruda de  and  FARINATTI, Paulo de Tarso Veras. Desenvolvimento e validação de um novo sistema de seleção de talentos para a ginástica olímpica feminina: a Bateria PDGO. Rev Bras Med Esporte [online]. 2007, vol.13, n.3, pp. 157-164. ISSN 1517-8692.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922007000300006.

A ginástica olímpica (GO) envolve atividades motoras que exigem capacidades específicas. Todavia, há carência de testes para detectar o potencial para o desempenho na GO em idades precoces. Este estudo descreve e apresenta evidências da validade de uma bateria de testes para a seleção de talentos para GO feminina. Inicialmente, foram levantadas as atividades que vêm sendo aplicadas por especialistas em GO, na literatura e por consulta através de questionários. A partir das 30 atividades mencionadas, foi delineada uma bateria de testes com 22 atividades, aplicada em 55 crianças de cinco a nove anos de idade. Com uso de técnicas de análise fatorial, os escores fatoriais individuais foram calculados para o primeiro fator, sendo adotados como variável independente representativa do potencial das crianças para o desempenho em GO (PDGO). Uma regressão múltipla passo a passo gerou uma equação por meio da qual o PDGO era estimado a partir de apenas oito atividades. A validade cruzada da bateria e do índice PDGO foi verificada em 16 ginastas experientes e 19 crianças de escolinha. As primeiras obtiveram médias significativamente maiores (PDGO = 85,1) que as últimas (PDGO = 54,8), indicando que a bateria discriminou bem o potencial geral para o desempenho. Confirmou-se a validade construto com base na estrutura da análise fatorial, já que as atividades agruparam-se em torno de uma única dimensão do desempenho motor. Para a fidedignidade inter e intra-observadores, obtiveram-se correlações de 0,83 a 1,00, sem diferenças entre as médias nas situações observadas. Conclui-se que a bateria de testes, além de ser de aplicação rápida, simples, de baixo custo e fácil entendimento, reveste-se de validade e reprodutibilidade, podendo ser aplicada na seleção inicial de talentos para a GO. Estudos adicionais, porém, deveriam ser conduzidos para confirmação dos presentes resultados, envolvendo amostras maiores e abordagem longitudinal para estabelecimento da validade preditiva do método.

Keywords : Treinamento; Esporte; Criança; Ginástica; Medida e avaliação; Talento desportivo; Aptidão físico-motora.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese