SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 issue4Leptin and endurance exercise: implications of adiposity and insulinOxidative stress and physical exercise in HIV positive individuals author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Medicina do Esporte

Print version ISSN 1517-8692

Abstract

CAETANO, Aletha Silva; TAVARES, Maria da Consolação Gomes Cunha Fernandes  and  LOPES, Maria Helena Baena de Moraes. Incontinência urinária e a prática de atividades físicas. Rev Bras Med Esporte [online]. 2007, vol.13, n.4, pp. 270-274. ISSN 1517-8692.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922007000400012.

A incontinência urinária é definida como "toda perda involuntária de urina". Ela atinge com maior freqüência mulheres e é causada principalmente por partos e gestações que podem lesar os músculos responsáveis pela continência na mulher. É muito comum mulheres que praticam atividades físicas e esportes apresentarem incontinência. Muitas dessas mulheres abandonam suas atividades para evitar perder urina durante essa prática, pois essa perda causa vergonha, constrangimento, além de interferir no desempenho durante o exercício. Inexistem pesquisas na área da educação física que discutam esse tema. O objetivo deste estudo consistiu de uma revisão bibliográfica acerca da incontinência urinária, analisando sua relação com atividades físicas e esportivas por mulheres, o impacto causado pela incontinência nessa prática, e de que forma o profissional de educação física pode contribuir com essas mulheres para uma prática mais segura e confortável. Os dados da literatura a respeito desse tema são muito recentes, mas suficientes para evidenciar que a prática de atividades físicas e esportivas constituídas de exercícios que exijam muito esforço e alto impacto pode levar ao desenvolvimento da incontinência urinária. As mulheres que não abandonam suas atividades por causa da incontinência utilizam algumas estratégias para prevenir a perda de urina, como o uso de absorventes e restrição hídrica. O profissional de educação física tem um papel fundamental na orientação adequada de exercícios, transformando essa prática numa intervenção preventiva da incontinência urinária entre mulheres fisicamente ativas.

Keywords : Incontinência urinária; Exercícios; Esporte.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese