SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 issue6Effect of 16-week weight training over blood pressure in normotensive and non-trained womenComparative study of the angular parameters of human gait in water and land media in young higid adults author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Medicina do Esporte

Print version ISSN 1517-8692

Abstract

RONQUE, Enio Ricardo Vaz et al. Composição corporal em crianças de sete a 10 anos de idade, de alto nível socioeconômico. Rev Bras Med Esporte [online]. 2007, vol.13, n.6, pp. 366-370. ISSN 1517-8692.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922007000600002.

O objetivo deste estudo foi analisar a composição corporal de crianças de sete a 10 anos de idade, de alto nível socioeconômico. Para tanto, 511 crianças (274 meninos e 237 meninas) foram submetidas a medidas antropométricas de massa corporal, estatura e espessuras de dobras cutâneas tricipital (TR) e subescapular (SE). Com base nessas informações, foram determinados: gordura corporal relativa (% Gordura), massa corporal magra (MCM), distribuição da gordura corporal (DGC) e o somatório da espessura das dobras cutâneas TR e SE (ΣEDC). Anova two-way foi utilizada para as comparações entre os sexos e os diferentes grupos etários, seguida pelo teste post hoc de Scheffé quando P < 0,05. Para a classificação das crianças, de acordo com as categorias de adiposidade corporal, foi utilizada distribuição de freqüência. O teste de comparação entre proporções foi adotado para verificar as diferenças entre os sexos, em cada categoria (P < 0,05). Diferenças significantes entre os sexos (P < 0,05) foram verificadas na dobra TR (meninas > meninos) e na MCM (meninos > meninas). Efeito significante da idade foi identificado em todas as variáveis analisadas, exceto na DGC, com os valores mais elevados sendo encontrados no grupo etário de 10 anos. Um percentual elevado, tanto de meninos quanto de meninas, apresentou índice de adiposidade alto, com superioridade para os meninos (28% vs. 14%, P < 0,01). Por outro lado, um contingente maior de meninas apresentou concentrações de gordura corporal relativa abaixo dos pontos de corte desejáveis (15% vs. 3%, P < 0,01). Os valores de adiposidade corporal encontrados no presente estudo sugerem que um percentual elevado de crianças, de ambos os sexos, já apresenta importantes fatores de risco à saúde, em idades precoces.

Keywords : Gordura corporal; Antropometria; Baixo peso; Sobrepeso; Obesidade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese