SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue1Reasons for physical activity practice and body image among health clubs users12-week resistance training effect on muscular strength, body composition and triglycerides in sedentary men author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Medicina do Esporte

Print version ISSN 1517-8692

Abstract

GAION, Patrícia Aparecida  and  VIEIRA, Lenamar Fiorese. Prevalência de síndrome pré-menstrual em atletas. Rev Bras Med Esporte [online]. 2010, vol.16, n.1, pp. 24-28. ISSN 1517-8692.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922010000100004.

A síndrome pré-menstrual (SPM) é um conjunto de sintomas emocionais e físicos que afeta negativamente as atividades diárias das mulheres durante o período pré-menstrual. Embora seja um tema bastante estudado na população em geral, existe uma lacuna na literatura a respeito da presença de SPM em atletas. Dessa forma, o objetivo do estudo foi analisar a prevalência de SPM em atletas. Foi desenvolvido um estudo do tipo inquérito, com 57 atletas, com idade entre 18 e 47 anos, de 11 modalidades esportivas. Para identificar a presença de SPM, utilizou-se uma ficha autoaplicável baseada nos critérios do American College of Obstetricians and Gynecologists (ACOG, 2000); a confirmação diagnóstica foi feita através do preenchimento de um diário de sintomas durante dois ciclos menstruais consecutivos (baseado no ACOG, 2000). Para análise dos dados utilizou-se teste de Shapiro-Wilk e teste exato de Fisher, adotando P < 0,05. A prevalência de SPM estimada de forma retrospectiva foi de 68%, enquanto a avaliada pelo acompanhamento com os diários foi de 48%. Mastalgia, explosão de raiva, ansiedade e irritabilidade foram os sintomas mais citados. Foram observadas associações significativas entre SPM e volume de treinamento semanal (P = 0,041), número de sintomas totais (P < 0,0001), número de sintomas físicos (P = 0,004), mastalgia (P = 0,028) e desconforto abdominal (P = 0,015). A prevalência de SPM em atletas foi considerada alta e a análise retrospectiva a superestimou em relação ao acompanhamento diário. A alta prevalência, bem como a associação entre SPM e maior volume de treinamento semanal, instiga que o treinamento esportivo pode ter algum impacto na prevalência de SPM em atletas.

Keywords : tensão pré-menstrual; ciclo menstrual; desempenho esportivo; menstruação.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese