SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue3Sudden cardiac death in athletes: protocols and routines of professional soccer clubs in São Paulo author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Medicina do Esporte

Print version ISSN 1517-8692

Abstract

GOMES, Sérgio Adriano; SOTERO, Rafael da Costa; GIAVONI, Adriana  and  MELO, Gislane Ferreira de. Avaliação da composição corporal e dos níveis de aptidão física de atletas de futsal classificados segundo a tipologia dos esquemas de gênero. Rev Bras Med Esporte [online]. 2011, vol.17, n.3, pp. 156-160. ISSN 1517-8692.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922011000300001.

INTRODUÇÃO: O autoconceito é uma estrutura formada por redes de esquemas cognitivos, dentre os quais se encontram os esquemas de gênero (esquema masculino e esquema feminino). De acordo com o Modelo Interativo, todos os indivíduos possuem os dois esquemas de gênero, dos quais resultam diferentes perfis psicológicos. OBJETIVO: Avaliar se atletas de futsal que diferem quanto à tipologia dos esquemas de gênero apresentam diferenças na composição corporal e nos níveis de aptidão física. MÉTODOS: A amostra inicial foi composta por 92 atletas do sexo masculino, classificados em grupos tipológicos de esquemas de gênero: Heteroesquemático Masculino (HM), Heteroesquemático Feminino (HF) e Isoesquemático (ISO). Para a classificação da amostra em grupos tipológicos foi utilizado o Inventário Masculino dos Esquemas de Gênero do Autoconceito (IMEGA). Foram utilizados os testes Squat Jump, Counter Movement Jump e Running Anaerobic Sprint Test; para mensurar, respectivamente, força explosiva e potência anaeróbia. Para a análise dos resultados foram utilizadas ANOVA One Way, ANOVA Mista e MANOVA. RESULTADOS: Os resultados demonstraram que os grupos HM, ISO e HF não apresentaram diferenças quanto à composição corporal, mas que os HM apresentaram índice médio de fadiga maior do que os grupos ISO e HF. Na avaliação dos seis tiros executados pelos atletas, observou-se que o grupo HM apresentou maior variação entre a potência máxima inicial e a final, quando comparado aos demais grupos. CONCLUSÃO: Os resultados permitem concluir que os diferentes perfis psicológicos adéquam-se melhor ao desempenho de determinadas posições do jogo e/ou a determinadas situações específicas durante o jogo

Keywords : composição corporal; esportes; performance atlética; personalidade.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese