SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 issue2Electromyographic analysis of the rectus femoris and rectus abdominis muscles during performance of the hundred and teaser pilates exercisesEvaluation of the passive resistive torque in female athletes with ankle sprain author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Medicina do Esporte

Print version ISSN 1517-8692

Abstract

CARVALHO, Alberito Rodrigo de et al. Variação de temperatura do músculo quadríceps femoral exposto a duas modalidades de crioterapia por meio de termografia. Rev Bras Med Esporte [online]. 2012, vol.18, n.2, pp. 109-111. ISSN 1517-8692.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922012000200009.

INTRODUÇÃO: Crioterapia é qualquer forma de aplicação terapêutica de frio que leva à diminuição da temperatura dos tecidos. OBJETIVO: Comparar as variações na temperatura superficial do músculo quadríceps femoral, em três momentos distintos, quando expostos a duas modalidades de crioterapia: sacos com gelo ou sacos contendo mistura de gelo e água. MATERIAIS E MÉTODOS: Participaram do estudo 18 indivíduos, com idade entre 18 e 25 anos, de ambos os sexos. Em cada voluntário foi realizada, simultaneamente, crioterapia com gelo na coxa esquerda e mistura de gelo e água na coxa direita, durante 15 minutos na região do quadríceps femoral. A temperatura superficial foi mensurada por um termógrafo e foram feitos registros nos seguintes momentos: pré-crioterapia, imediatamente e 15 e 30 minutos após a retirada da modalidade de crioterapia. RESULTADOS: Ambas as modalidades de crioterapia foram eficientes para diminuir a temperatura do quadríceps femoral e a mistura de gelo e água foi capaz de induzir a uma temperatura mais baixa em relação àquela modalidade que usou somente gelo. O resfriamento, para ambas as modalidades, perdurou por, pelo menos, 15 minutos após a retirada do gelo e a temperatura superficial já estava restaurada ao nível pré-aplicação aos 30 minutos após a retirada. CONCLUSÃO: Ambas as modalidades promoveram redução da temperatura que perdurou, pelo menos, durante 15 minutos; e após 30 minutos da retirada das modalidades a temperatura foi restabelecida aos níveis normais. Contudo, a mistura de gelo e água produziu resfriamento maior do que a modalidade de gelo sozinho.

Keywords : crioterapia; termografia; agentes de resfriamento.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese