SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 número4EFEITOS DO EXERCÍCIO SOBRE A APTIDÃO FÍSICA E AS VARIÁVEIS ANTROPOMÉTRICAS EM EX-USUÁRIOS DE CRACKSUPLEMENTAÇÃO COM AMÊNDOA DE BACURI NA COMPOSIÇÃO CORPORAL DE RATOS SUBMETIDOS AO EXERCÍCIO índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Medicina do Esporte

versão impressa ISSN 1517-8692versão On-line ISSN 1806-9940

Resumo

SAUDADES, Jéssica de Oliveira; KIRSTEN, Vanessa Ramos  e  OLIVEIRA, Viviani Ruffo de. CONSUMO DE PROTEÍNA DO SORO DO LEITE ENTRE ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS DE PORTO ALEGRE, RS. Rev Bras Med Esporte [online]. 2017, vol.23, n.4, pp.289-293. ISSN 1517-8692.  https://doi.org/10.1590/1517-869220172304167205.

Introdução:

A proteína do soro do leite é uma das proteínas de maior valor biológico, por seu alto teor de aminoácidos. Em vista disso, a população tem consumo elevado do suplemento alimentar Whey Protein e esse uso exacerbado torna-se preocupante.

Objetivo:

Avaliar o perfil do consumo de Whey Protein (WP) bem como verificar como é utilizado, quais os tipos consumidos e se esse consumo está associado à prática de atividade física, além de se há alguma recomendação profissional.

Métodos:

A população analisada foi de alunos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre, matriculados nos cursos de graduação das áreas Biológicas, Naturais e Agrárias. As áreas contempladas foram selecionadas mediante sorteio e no total foram 11 cursos pertencentes a essas áreas que aceitaram participar do estudo. O instrumento de pesquisa utilizado para o objetivo proposto foi um questionário composto de 15 questões, sendo quatro questões de múltipla escolha.

Resultados:

Participaram do estudo 133 indivíduos com idade entre 18 e 28 anos (58,6% homens e 41,3% mulheres). Com relação à renda, 71,4% dos participantes ganham em média até três salários mínimos. O principal motivo do consumo de proteína do soro do leite foi a hipertrofia muscular (83,5%). O uso do suplemento Whey Protein foi indicado, em 62,4% dos casos, por amigos, vendedores ou por iniciativa própria.

Conclusão:

Fica evidente neste estudo, que a busca de melhor desempenho físico associado a padrões estéticos parece estar impulsionando o uso de Whey Protein, contudo, é preciso também conhecer o risco do uso exacerbado, principalmente quando não há acompanhamento de profissional qualificado nem há recomendações sobre quantidade, tipo e fracionamento do suplemento.

Palavras-chave : proteínas; suplementos nutricionais; consumo de alimentos.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )