SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número6AVALIAÇÃO DO EFEITO DA BANDAGEM ELÁSTICA NO TORNOZELO DE JOGADORES DE BASQUETE COM E SEM INSTABILIDADE CRÔNICACORRELAÇÃO ENTRE TREINO EXCÊNTRICO E TESTES FUNCIONAIS EM SUJEITOS COM LCA RECONSTRUÍDO índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Medicina do Esporte

versão impressa ISSN 1517-8692versão On-line ISSN 1806-9940

Resumo

CESCHINI, Fábio et al. CONHECIMENTO DOS PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA SOBRE PRESCRIÇÃO DO EXERCÍCIO AERÓBICO E RESISTIDO PARA IDOSOS. Rev Bras Med Esporte [online]. 2018, vol.24, n.6, pp.465-470. ISSN 1517-8692.  http://dx.doi.org/10.1590/1517-869220182406188634.

Introdução:

A prática regular de exercícios aeróbicos e resistidos é recomendada para a melhora da capacidade funcional e da qualidade de vida de idosos.

Objetivo:

Descrever o conhecimento dos profissionais de Educação Física sobre a recomendação do exercício aeróbico e resistido para idosos e identificar os fatores associados.

Métodos:

Foram avaliados 610 profissionais de Educação Física atuantes em academias de ginástica de São Paulo. O conhecimento da recomendação foi avaliado por meio de um questionário construído para este estudo. Foram avaliados os critérios que compõem a recomendação do exercício aeróbico e resistido, seguindo as diretrizes do Colégio Americano de Medicina do Esporte. A análise dos dados com significância estatística de p < 0,05 foi realizada pelo teste do qui quadrado e pela regressão logística múltipla.

Resultados:

O conhecimento dos profissionais de Educação Física atuantes em academias, considerando todos os acertos dos critérios que compõem a recomendação do exercício aeróbico e resistido para idosos, foi baixo, sendo apenas 9,3% e 12,6%, respectivamente. Idade, quantidade de empregos, ter curso de pós-graduação finalizado e leitura de artigos científicos foram fatores associados ao conhecimento da recomendação do exercício resistido. Os fatores associados ao conhecimento da recomendação do exercício aeróbico foram idade, quantidade de empregos e leitura de artigos científicos.

Conclusão:

O conhecimento dos profissionais de Educação Física com relação à recomendação do exercício aeróbico e resistido para idosos foi baixo, sugerindo a necessidade de melhor capacitação profissional para atender a demanda de idosos nas academias de São Paulo. Nível de Evidência I; Tipo de Estudo: Terapêutico - Investigação dos Resultados do Tratamento

Palavras-chave : Exercício aeróbico; Treinamento de resistência; Conhecimento; Diretrizes.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )