SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 número1The "abandoned childhood" in Santa Isabel’s agricultural asylum: rural instruction and child labor (1880-1886)Magazine children (1930/1950) índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Educação e Pesquisa

versión impresa ISSN 1517-9702

Resumen

VEIGA, Cynthia Greive  y  GOUVEA, Maria Cristina Soares. Comemorar a infância, celebrar qual criança? Festejos comemorativos nas primeiras décadas republicanas. Educ. Pesqui. [online]. 2000, vol.26, n.1, pp. 135-160. ISSN 1517-9702.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-97022000000100010.

O artigo discute aspectos dos múltiplos processos de formação da identidade do brasileiro a partir do estudo da institucionalização das comemorações da criança em Belo Horizonte. Partindo da constatação de que entre o fim do século XIX e o início do XX diferentes saberes dos campos antropológico, médico, jurídico, pedagógico e psicológico são estabelecidos com o intuito de produzir essa identidade, o trabalho focaliza três eventos realizados na cidade: o dia da criança relativo à data nacional de 12 de outubro, instituída em 1924 e fortemente identificado como uma festa escolar; as festas de Natal para as crianças pobres, nas quais a filantropia mobilizou diferentes setores da sociedade; e os concursos de robustez e beleza infantil, iniciados em Belo Horizonte a partir de 1935, com a intenção de comemorar a infância associada aos ideais eugênicos. Argumenta-se que tais eventos contribuíram para a legitimação e propagação dos saberes científicos que elegeram a criança como objeto central de estudo e intervenção. Mais do que celebrar a infância, buscou-se comemorar as ciências, com o objetivo de perseguir o ideal de uma nação civilizada e una, embora marcada por profundas clivagens sócio-raciais, e projetar a criança como utopia de um mundo adulto a ser estabelecido. O trabalho mostra nas conclusões que, hoje, traços de realização desses eventos ainda se mantêm, revelando a permanência de um ideal racial europeizado que marca pela exclusão a vivência de parte das crianças brasileiras.

Palabras llave : Infância; História; Comemoração.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · pdf en Portugués