SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.8 issue4Prevalence of twin births in Pelotas, in the State of Rio Grande do Sul, BrazilChronic complications of type 2 diabetic attended at Family Health Units in the City of Recife, State of Pernambuco, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Saúde Materno Infantil

Print version ISSN 1519-3829

Abstract

SANTOS, Marize Melo dos; DINIZ, Alcides da Silva  and  NOGUEIRA, Nadir do Nascimento. Concentrações de hemoglobina e ferritina sérica em escolares da rede pública municipal de Teresina, Piauí, Nordeste do Brasil. Rev. Bras. Saude Mater. Infant. [online]. 2008, vol.8, n.4, pp. 419-426. ISSN 1519-3829.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-38292008000400007.

OBJETIVOS: avaliar o estado nutricional de ferro em escolares de instituições públicas de ensino de Teresina, Piauí, Brasil. MÉTODOS: corte transversal, envolvendo amostra aleatória, selecionada em duas etapas, de 747 escolares (7-11 anos), de ambos os sexos, no período de agosto / setembro de 2000. A anemia foi rastreada em 747 escolares e para o diagnóstico adotou-se a concentração de hemoglobina (Hb) <11,5g/dL. As reservas corporais de ferro foram estimadas em 207 escolares, mediante análise das concentrações de ferritina sérica (FerS), considerando-se baixas reservas valores <15 µg/L. RESULTADOS: a prevalência de concentrações inadequadas de Hb (< 11,5g/dL) foi de 14,3% (IC95% 12,2-17,4) e de reservas inadequadas de ferro (FerS< 15,0µg/L) de 20,3% (IC95% 15,2-26,6). A prevalência de anemia foi semelhante entre os sexos (p=0,60) e as faixas etárias (p=0,85). Comportamento distributivo similar foi observado no que diz respeito às reservas inadequadas de ferro, frentes às variáveis sexo (p=0,19) e idade (p=0,24). As concentrações de FerS não mostraram correlação (r=0,1; p=0,168) com as de Hb. A prevalência de anemia ferropênica (Hb< 11,5 g/dL e FerS< 15,0 µg/L) foi de 26,3% (IC95% 17,3-37,5). CONCLUSÕES: em Teresina, a deficiência de ferro e a anemia em escolares devem ser consideradas como um problema de saúde pública que requer efetivo programa de prevenção e controle. No entanto, a anemia parece não ser explicada apenas pela deficiência de ferro; outros fatores etiológicos devem, portanto, ser considerados, a exemplo da deficiência de outros micronutrientes, infecções/infestações parasitárias, distúrbios hereditários e exposição a poluentes ambientais.

Keywords : Hemoglobinas; Ferritinas; Escolares; Deficiência de ferro; Anemia ferropriva.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese