SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 issue3Spatial analysis of the distribution of Spodoptera frugiperda (J.E. Smith) (Lepidoptera: Noctuidae) and losses in maize crop productivity using geostatisticsDevelopment and evaluation of new methodologies to test the attractiveness of Chrysomya megacephala (Fabricius) (Diptera: Calliphoridae) to visual stimulation by colors in laboratory conditions author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Neotropical Entomology

Print version ISSN 1519-566X

Abstract

ALBUQUERQUE, Fábio A. de  and  MORAES, Gilberto J. de. Perspectivas para a criação massal de Iphiseiodes zuluagai Denmark & Muma (Acari: Phytoseiidae). Neotrop. entomol. [online]. 2008, vol.37, n.3, pp. 328-333. ISSN 1519-566X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-566X2008000300013.

Iphiseiodes zuluagai Denmark & Muma é um importante predador de Brevipalpus phoenicis (Geijskes) em citros no Brasil. O emprego de Tyrophagus putrescentiae (Schrank) como fonte de alimento para I. zuluagai em criações de laboratório foi investigado a 25,5 ± 0,5oC, 88 ± 7% UR e fotofase de 12h. Inicialmente os níveis de oviposição do predador alimentado com ovos, estágios pós-embrionários mortos ou estágios pós-embrionários vivos de T. putrescentiae foram avaliados durante 10 dias. A taxa diária de oviposição foi de 1,3 ovo/ fêmea quando estas foram alimentadas com ovos de T. putrecentiae; 0,7 ovo/ fêmea quando estas foram alimentadas com estágios pós-embrionários mortos e cerca de 0,2 ovo/ fêmea quando alimentadas com estágios pós-embrionários vivos. Posteriormente, elaborou-se a tabela de vida de I. zuluagai, oferecendo-se como alimento ovos de T. putrescentiae. Os estágios imaturos foram observados a cada 8h, para determinar a duração correspondente. Na fase adulta, os ácaros foram observados a cada 24h, para se determinar os parâmetros reprodutivos. A capacidade de aumento populacional (rm) foi de 0,11 fêmea/ fêmea/ dia; resultando em uma razão finita de aumento de 1,11 (l). A taxa líquida de reprodução (R0) foi de 7,1 fêmeas/geração, com um tempo de geração de 18,6 dias. Os resultados obtidos mostram que T. putrescentiae é uma fonte de alimento favorável ao desenvolvimento de I. zuluagai.

Keywords : citros; Brevipalpus phoenicis; ácaro predador; Astigmata.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese