SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 número1From the hardcore to the light Insults and cordial homophobia in El SalvadorDilemas do feminismo e a possibilidade de radicalização da democracia em meio às diferenças O caso da Marcha das Vadias do Rio de Janeiro índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Civitas - Revista de Ciências Sociais

versão impressa ISSN 1519-6089versão On-line ISSN 1984-7289

Resumo

GOMES, Camilla de Magalhães. Gênero como categoria de análise decolonial. Civitas, Rev. Ciênc. Soc. [online]. 2018, vol.18, n.1, pp.65-82. ISSN 1984-7289.  https://doi.org/10.15448/1984-7289.2018.1.28209.

Qual a função e o papel do gênero? Qual o significado do uso desse termo não apenas para os movimentos feministas, mas para a produção de conhecimento? Por que usar o gênero como categoria de análise para se pensar o “humano”? Busco aqui pensar, cerca de 30 anos depois da publicação do texto cânone de Joan Scott, o que significa usar o gênero como categoria de análise quando perspectivas como a decolonialidade nos mostraram que o gênero pode ser uma forma de colonialidade e pode produzir discursos que escondem a multiplicidade da vivência das relações fora do sistema-mundo da colonial modernidade. Sustento ser o gênero uma categoria de análise capaz de desestabilizar o que é ser homem ou ser mulher apenas quando percebido não como uma categoria primária, secundarizando a raça, mas como categoria junto a ela produzida.

Palavras-chave : Gênero; Feminismo; Decolonialidade; Raça.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )