SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.65 número3Taxonomia, ecologia e distribuição geográfica das espécies do gênero Thermocyclops Kiefer, 1927 no estado de São Paulo, com a descrição de uma espécie novaGenética de abelhas Euglossini (Hymenoptera) em fragmentos de Mata Atlântica da região de Viçosa, MG índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Biology

versão impressa ISSN 1519-6984versão On-line ISSN 1678-4375

Resumo

TAVARES, L. E. R.; LUQUE, J. L.  e  BICUDO, A. J. A.. Ecologia da comunidade de metazoários parasitos de manjuba Anchoa tricolor (Osteichthyes: Engraulidae) do litoral do Estado do Rio de Janeiro, Brasil. Braz. J. Biol. [online]. 2005, vol.65, n.3, pp.533-540. ISSN 1519-6984.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-69842005000300019.

Entre outubro de 2001 e março de 2002, foram examinados 103 espécimes de A. tricolor provenientes de Angra dos Reis (23°01'S, 44°19'W), litoral do Estado do Rio de Janeiro, Brasil, para o estudo de suas infracomunidades de metazoários parasitos. Foram coletadas 10 espécies de metazoários parasitos: 4 digenéticos, 1 cestóide, 1 acantocéfalo, 2 nematóides, 1 copépode e 1 hirudíneo; e 77% dos peixes estavam parasitados por 1 ou mais metazoários, com média de 3,5 ± 6,2 parasitos/peixe. Os digenéticos foram dominantes, representando 53,2% do total de parasitos coletados, e Ergasilus sp., a espécie mais abundante. A abundância e a prevalência de Parahemiurus merus (Linton, 1910) foram positivamente correlacionadas ao comprimento total dos hospedeiros. Relações entre a abundância parasitária total e a riqueza parasitária média ao comprimento total dos hospedeiros foram observadas. A diversidade parasitária média foi corrrelacionada com o comprimento total dos hospedeiros, apresentando diferenças significativas entre os peixes machos e fêmeas. Dois pares de espécies de larvas apresentaram associação e covariação positiva significativas. As infracomunidades de metazoários parasitos de A. tricolor demonstraram dominância nas larvas de endoparasitos, correlação entre abundância parasitária, diversidade e riqueza de espécies e o comprimento total dos hospedeiros e o baixo número de associações interespecíficas parasitárias. A comunidade parasitária de A. tricolor apresentou algumas semelhanças com a comunidade parasitária de outros engraulídeos do Atlântico Sul-Americano.

Palavras-chave : ecologia parasitária; estrutura comunitária; peixes marinhos; Engraulidae; Anchoa tricolor; Brasil.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons