SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.66 número2BFolivoria por insetos em Didymopanax vinosum (Apiaceae) em um mosaico de vegetação no cerrado brasileiroDesova e cuidado parental em Hoplias malabaricus (Teleostei, Characiformes, Erythrinidae) no Pantanal Sul, Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Biology

versão impressa ISSN 1519-6984versão On-line ISSN 1678-4375

Resumo

CASATTI, L.; LANGEANI, F.; SILVA, A. M.  e  CASTRO, R. M. C.. Ictiofauna de riachos, qualidade da água e do hábitat em uma bacia hidrográfica dominada por pastagens, Sudeste do Brasil. Braz. J. Biol. [online]. 2006, vol.66, n.2b, pp.681-696. ISSN 1519-6984.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-69842006000400012.

A ictiofauna de 35 trechos de riachos (de 1ª a 3ª ordem) no sistema do Rio São José dos Dourados, Sudeste do Brasil, foi estudada juntamente com a avaliação físico-química e física do hábitat. Na região estudada, 77,4% do solo é utilizado para pastagens. Quanto à avaliação físico-química da água, 24 trechos foram classificados como bons, 10 como regulares e um como pobre; quanto à avaliação física do hábitat, 10 foram considerados regulares, 22 como pobres e 3 como muito pobres. Cinqüenta espécies foram coletadas e suas abundâncias apresentaram forte correlação com descritores do hábitat. Em adição a esta correlação, observou-se que algumas espécies também demonstraram sua distribuição ótima coincidente com o grau de conservação do hábitat físico. Os riachos dessa região estão expostos a impactos provenientes de poluição orgânica, mas especialmente pequenos riachos de primeira ordem estão seriamente afetados pela perda de qualidade física do hábitat, que, negativamente, afeta tanto espécies de peixes dependentes de substratos rochosos como espécies que exploram a coluna d'água. Controle da entrada de efluentes, programas adequados de restauração da vegetação ripária, controle do aporte de sedimento e uso adequado e sustentável do solo são práticas que podem mitigar tais impactos.

Palavras-chave : Alto Paraná; integridade; físico-químico; conservação; índices.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons