SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.67 número1Prolonged use of the food dye tartrazine (FD&C yellow n° 5) and its effects on the gastric mucosa of Wistar ratsGenetic diversity and relatedness within and between species of the genus Oligoryzomys (Rodentia; Sigmodontinae) índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Brazilian Journal of Biology

versión impresa ISSN 1519-6984versión On-line ISSN 1678-4375

Resumen

BARBOSA, JM.  y  VOLPATO, GL.. Modulação química sobre o crescimento heterogêneo em Prochilodus lineatus (Valenciennes, 1847) (Pisces; Characiformes). Braz. J. Biol. [online]. 2007, vol.67, n.1, pp.147-151. ISSN 1519-6984.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-69842007000100020.

No presente trabalho, testou-se o efeito de fatores químicos liberados por coespecíficos sobre o crescimento e sua variabilidade no grupo (crescimento heterogêneo, CHet), numa espécie gregária, o curimbatá, Prochilodus lineatus. O CHet foi avaliado pelo coeficiente de variação do peso dos animais, em dois períodos consecutivos de 21 dias. Os peixes foram agrupados em aquários (4 peixes cada) que receberam água corrente, com vazão constante, de tanques contendo (C) ou não (N) coespecíficos. Quatro condições foram delineadas de acordo com a água que abastecia os aquários: a) água com contato prévio com coespecíficos durante todo o experimento (CC); b) água sem contato prévio com coespecíficos durante todo o experimento (NN); c) água com contato prévio com coespecíficos apenas no primeiro período, 0 a 21 dias (CN); e d) apenas no período de 21 a 42 dias (NC). Ao término dos experimentos, verificou-se que ocorre modulação química sobre a variabilidade de crescimento em P. lineatus: os peixes que receberam água com contato prévio com coespecífico (C) apresentaram exacerbação do CHet. Fato que corrobora a idéia de que o mecanismo predominante da determinação da variação intra-específica do crescimento, em espécies gregárias, está associado à ação de fatores químicos liberados por coespecíficos.

Palabras clave : peixes; variabilidade de crescimento; fatores químicos; comunicação química.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · Inglés ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons