SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.67 número4Relação gonadossomática e estratégia reprodutiva de Brycon opalinus no Parque Estadual da Serra do Mar - Núcleo Santa Virgínia, Mata Atlântica, BrasilAlimentação de Oligosarcus hepsetus (Cuvier, 1829) (Characiformes) no Parque Estadual da Serra do Mar - Núcleo Santa Virgínia, São Paulo, Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Biology

versão impressa ISSN 1519-6984versão On-line ISSN 1678-4375

Resumo

NASCIMENTO, AA et al. Estudo imunocitoquímico do pâncreas de Zonotrichia capensis subtorquata (Swaison, 1837). Braz. J. Biol. [online]. 2007, vol.67, n.4, pp.735-740. ISSN 1519-6984.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-69842007000400021.

Os tipos de células endócrinas e seus respectivos peptídeos reguladores foram estudados imunocitoquimicamente no pâncreas do tico-tico, espécie Zonotrichia capensis subtorquata, empregando-se o método imunocitoquímico ABC - Peroxidase (Complexo Avidina - Biotina - Peroxidase) e anti-soros específicos para somatostatina, ao glucagon, ao polipeptídeo pancreático aviário (PPA), ao polipeptídeo YY (PYY) e à insulina. Todos estes tipos de células imunorreativas foram observadas no pâncreas em quantidades diferentes. As células imunorreativas à insulina (células B) foram as mais numerosas, ocupando preferencialmente, a região central das ilhotas pancreáticas. As células endócrinas imunorreativas à somatostatina, PPA, PYY e glucagon localizaram-se predominantemente na periferia das ilhotas.

Palavras-chave : células imunorreativas; células endócrinas; pâncreas; ave.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons