SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.70 número3  suppl.A new species of Notodiaptomus Kiefer (Crustacea, Copepoda, Calanoida, Diaptomidae) from BrazilBiomass and production of Cladocera in Furnas Reservoir, Minas Gerais, Brazil índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Brazilian Journal of Biology

versión impresa ISSN 1519-6984

Resumen

ALMEIDA-GOMES, M et al. Anurofauna de um fragmento de Mata Atlântica e do seu entorno no Norte do Estado do Rio de Janeiro, Brasil. Braz. J. Biol. [online]. 2010, vol.70, n.3, suppl., pp.871-877. ISSN 1519-6984.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-69842010000400018.

Conduzimos um estudo de curta duração sobre a comunidade de anurofauna de um fragmento de Mata Atlântica (Serra do Monte Verde) localizado no município de Cambuci, Estado do Rio de Janeiro, Brasil, o qual constitui um dos maiores fragmentos remanescentes ainda existentes na paisagem amplamente desflorestada da porção norte do Estado. Utilizamos três métodos de amostragem combinados: parcelas, transectos e armadilhas de queda. Registramos vinte espécies de anfíbios, das quais apenas onze foram encontradas dentro do fragmento florestal (e dessas, cinco também ocorreram no seu entorno). Duas das espécies registradas no presente trabalho (Crossodactylus sp. e Ischnocnema cf. parva) podem representar táxons ainda não descritos. Nossos registros expandem a distribuição geográfica de uma espécie (Scinax trapicheiroi) para o norte e preenchem uma lacuna na distribuição de outra (Ischnocnema oea). A densidade total estimada de anfíbios anuros vivendo na camada de folhiço do fragmento (baseada nos resultados do método de plots) foi de 3,1 indivíduos/100 m2, sendo Haddadus binotatus a espécie mais abundante (2,4 indivíduos/100 m2). Comparações de nossos dados com os de outros estudos sugerem que comunidades de anuros em fragmentos florestais com cerca de 1.000 ha ou menos podem ser severamente limitados em sua riqueza e frequentemente incluem uma grande proporção de espécies tolerantes a ambientes abertos, como é o caso de vários hilídeos. Nossos resultados demonstram a importância de ampliar o conhecimento sobre a anurofauna da região norte do Estado do Rio de Janeiro e de conservar os poucos remanescentes florestais ainda existentes na região.

Palabras clave : espécies de anfíbios; comunidade de anuros; abundância; fragmentação do habitat.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · Inglés ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons