SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.70 número4Vivendo juntos e algumas vezes alimentando-se de forma semelhante: o caso das pererecas sintópicas Hypsiboas raniceps e Scinax acuminatus (Anura: Hylidae) no Pantanal do Miranda, Mato Grosso do Sul, BrasilAntropização do bioma Cerrado na Estação Ecológica Uruçuí-Una estimada a partir de imagens orbitais índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Brazilian Journal of Biology

versão impressa ISSN 1519-6984

Resumo

FILOGONIO, R.; ASSIS, VB.; PASSOS, LF.  e  COUTINHO, ME.. Distribuição das populações de jacaré-do-papo-amarelo (Caiman latirostris, Daudin 1802, Alligatoridae) na bacia do Rio São Francisco, Brasil. Braz. J. Biol. [online]. 2010, vol.70, n.4, pp. 961-968. ISSN 1519-6984.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-69842010000500007.

Fizemos o levantamento de populações do jacaré-de-papo-amarelo, Caiman latirostris, ao longo da bacia do rio São Francisco, a partir do reservatório de Três Marias, no Estado de Minas Gerais, até a foz do rio, na divisa entre os Estados de Sergipe e Alagoas. Registramos a ocorrência de jacarés em 61% das localidades visitadas (n = 64), nas quais a presença de C. latirostris foi confirmada em 44% dos casos. Os jacarés ocorreram em ambientes lênticos e lóticos, muito embora tenhamos observado uma preferência por pequenas represas, lagoas marginais e áreas alagáveis. Apesar da pressão de caça e da modificação dos hábitats naturais, nossos resultados são evidências de que as populações de C. latirostris ao longo da bacia do São Francisco não estão fragmentadas.

Palavras-chave : Caiman latirostris; bacia do rio São Francisco; jacaré-de-papo-amarelo; distribuição das populações.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · pdf em Inglês