SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.72 número4Faunistic analysis of the species of Anastrepha Schiner (Diptera: Tephritidae) in three municipalities of the state of Roraima, BrazilSeasonal characterization of antioxidant responses in plants of Ipomoea nil cv. Scarlet O'Hara índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Brazilian Journal of Biology

versión impresa ISSN 1519-6984

Resumen

BARBOSA, FG.; SCHNECK, F.  y  MELO, AS.. Uso de modelos de nicho ecológico para predizer a distribuição de espécies invasoras: uma análise cienciométrica. Braz. J. Biol. [online]. 2012, vol.72, n.4, pp.821-829. ISSN 1519-6984.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-69842012000500007.

Conduziu-se uma análise cienciométrica para determinar as principais tendências e lacunas de estudos sobre o uso de modelos de nicho ecológico (MNEs) para predizer a distribuição de espécies invasoras. Usou-se a base de dados Thomson Institute for Scientific Information (ISI). Foram encontrados 190 artigos publicados entre 1991 e 2010, em 82 periódicos. O número de trabalhos foi baixo na década de 1990, mas começou a aumentar após 2000. Um terço dos trabalhos foi publicado por pesquisadores dos Estados Unidos da América e, consequentemente, os Estados Unidos também foram a região mais estudada. A maioria dos estudos foi realizada em ambientes terrestres. Apenas alguns sistemas aquáticos foram investigados, provavelmente porque importantes variáveis preditoras aquáticas são escassas ou inexistentes na maioria das regiões do mundo. Registros de ocorrência de espécies foram compostos principalmente por registros de presença (ou seja, sem registros de ausência) e quase 70% dos estudos foram realizados com plantas e insetos. Vinte e três diferentes métodos de modelagem foram utilizados. O Algoritmo Genético para Produção de Conjunto de Regras (GARP) foi o mais utilizado. Esta análise cienciométrica mostrou um interesse crescente no uso de MNEs para prever a distribuição de espécies invasoras, especialmente na última década, estando esse aumento provavelmente relacionado ao crescimento na introdução de espécies em todo o mundo. Entre algumas lacunas importantes que precisam ser preenchidas, destaca-se o número relativamente pequeno de estudos realizados em países em desenvolvimento e em ambientes aquáticos.

Palabras clave : biodiversidade; invasões biológicas; produção científica; tendências.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · Inglés ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons