SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.73 número2Ecological characterisation of the Colombian entomopathogenic nematode Heterorhabditis sp. SL0708 índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Brazilian Journal of Biology

versión impresa ISSN 1519-6984

Resumen

VALLE, IC; BUSS, DF  y  BAPTISTA, DF. Influência da conectividade dos fragmentos florestais e da largura da vegetação ripária sobre a fauna de macroinvertebrados em um ecossistema lótico. Braz. J. Biol. [online]. 2013, vol.73, n.2, pp.231-238. ISSN 1519-6984.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-69842013000200002.

Neste trabalho, foram avaliadas duas dimensões de conectividade em um ecossistema lótico: longitudinal (entre fragmentos florestais ao longo do córrego) e lateral (mata ripária), utilizando-se assembléias de macroinvertebrados como indicadores. Pontos que representam diferentes tipos de usos da terra foram amostrados em uma bacia de planície litorânea, que abriga um mosaico de áreas protegidas. As análises de uso da terra, os estágios de sucessão florestal e as diferentes larguras da zona ripária foram calculados utilizando-se um SIG. A fauna de macroinvertebrados foi fortemente afetada pelo uso da terra. Partindo-se da área protegida à montante, observou-se um decréscimo contínuo do número de espécies sensíveis, da porcentagem de fragmentadores e do índice biótico IBE-IOC até o trecho fortemente desflorestado, no médio curso do rio; os valores aumentam novamente, quando o rio atravessa uma Reserva Biológica. Ao analisar a largura da vegetação ripária, constatou-se que a fauna aquática responde às alterações além do corredor ripário com 30 m de largura (60 m e 100 m de largura). Discutiu-se sobre a conectividade longitudinal entre fragmentos florestais e sobre a largura necessária da vegetação ripária para manter a alta diversidade de macroinvertebrados. Dessa forma, foram feitas recomendações visando a favorecer o aumento/a manutenção da biodiversidade, tanto na bacia analisada como em outras bacias localizadas em planícies litorâneas.

Palabras clave : bioavaliação; biomonitoramento; insetos aquáticos; zona ripária; conservação.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · Inglés ( pdf )