SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.75 número1Brazilian scientific production on phytoplankton studies: national determinants and international comparisonsFirst record of Palombitrema triangulum (Suriano, 1981) Suriano, 1997 (Monogenea: Dactylogyridae) from freshwater fishes in Brazil índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Brazilian Journal of Biology

versión impresa ISSN 1519-6984

Resumen

ALVES-COSTA, FA.  y  WASKO, AP.. Aplicação de abordagens de DDRT-PCR para aprimoramento de resultados no isolamento de DETs a partir de tecido cerebral de peixes. Braz. J. Biol. [online]. 2015, vol.75, n.1, pp.224-228. ISSN 1519-6984.  http://dx.doi.org/10.1590/1519-6984.12213.

Display Diferencial (DD) é uma técnica amplamente utilizada em estudos de expressão diferencial. A maioria desses estudos envolvendo espécies de peixes está restrita a espécies da América do Norte e Europa ou a espécies comerciais, como os salmoniformes. Estudos relacionados a peixes da América do Sul são ainda pouco explorados. Desse modo, o presente trabalho teve como objetivo descrever modificações na técnica de DD, a fim de melhorar os resultados relacionados ao isolamento de DETs (Transcritos Diferencialmente Expressos), utilizando Leporinus macrocephalus, peixe explorado comercialmente na América do Sul, como espécie para tal delineamento. Diferentes abordagens de DDRT-PCR foram desenvolvidas a partir de amostras de tecido cerebral e os produtos das reações foram analisados em gel de poliacrilamida 6% corados com 0,17% de nitrato de Prata (AgNO3). A utilização de reações de PCR sob condições de elevada estringência e oligonucleotídeos mais longos, com base em sequências cerne de VNTR (Número Variável de Repetições em Tandem), mostrou melhores resultados quando comparada a condições de baixa estringência e ao uso de oligonucleotídeos decâmeros. A estratégia empregada permitiu o isolamento de transcritos diferencialmente expressos em machos e fêmeas adultos de L. macrocephalus. Este estudo evidencia que modificações no método de DDRT-PCR garantem o melhor isolamento de DETs a partir de diferentes tecidos de peixes e asseguram a obtenção de dados mais sólidos relacionados a essa abordagem.

Palabras clave : Leporinus macrocephalus; transcritos diferencialmente expressos; VNTR.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · Inglés ( pdf )