SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.76 número1Analyzing the edge effects in a Brazilian seasonally dry tropical forestSpatial variations in fish assemblage structure in a southeastern Brazilian reservoir índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Brazilian Journal of Biology

versión impresa ISSN 1519-6984versión On-line ISSN 1678-4375

Resumen

PINHEIRO, C. G. et al. Variabilidade sazonal do óleo essencial de Hesperozygis ringens (Benth.) Epling. Braz. J. Biol. [online]. 2016, vol.76, n.1, pp.176-184.  Epub 12-Feb-2016. ISSN 1519-6984.  http://dx.doi.org/10.1590/1519-6984.16314.

Este estudo foi desenvolvido a fim de avaliar o efeito da sazonalidade no rendimento e composição química do óleo essencial (OE) de Hesperozygis ringens (Benth.) Epling., uma espécie nativa do Pampa brasileiro. Folhas foram coletadas de quatro indivíduos de uma mesma população, em cada uma das quatro estações de um ano, e foram extraídas em triplicada por hidrodestilação durante 2 horas. O rendimento do OE (% m/m) foi calculado considerando a base fresca (BF) e as 16 amostras de óleo foram analisadas por cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massas (CG-EM) e cromatografia gasosa com detector de ionização de chamas (CG-DIC). Análise Hierárquica de Cluster (AHC) e Análise de Componentes Principais (ACP) foram utilizadas como ferramentas estatísticas para avaliar as diferenças na composição química. Os maiores rendimentos foram obtidos no outono, primavera e verão (2,32-4,38%), enquanto que os menores foram detectados no inverno, variando de 1,15 até 1,91%. Os monoterpenoides oxigenados foram a classe predominante dos constituintes do OE obtido em todas as estações, apresentando os maiores teores no outono e no verão, e a pulegona foi identificada como o constituinte majoritário, cujos teores variaram entre 54,13 e 81,17%. As amostras de OE foram divididas em três grupos químicos por AHC e ACP e foram classificadas no mesmo grupo, com exceção de três amostras coletadas no inverno. Os resultados demonstraram influência sazonal no rendimento e na composição química dos OE.

Palabras clave : Lamiaceae; “espanta-pulga”; pulegona; monoterpenoides oxigenados.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · Inglés ( pdf )