SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 número57Análise do impacto da substituição da DOAR pela DFC: um estudo sob a perspectiva do value-relevanceRelevância dos conhecimentos, habilidades e métodos instrucionais na perspectiva de estudantes e profissionais da área contábil: estudo comparativo internacional índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Contabilidade & Finanças

versão impressa ISSN 1519-7077

Resumo

ANTUNES, Maria Thereza Pompa; MENDONCA NETO, Octavio Ribeiro de; OYADOMARI, José Carlos Tiomatsu  e  OKIMURA, Rodrigo Takashi. Conduta ética dos pesquisadores em contabilidade: diferenças entre a crença e a práxis. Rev. contab. finanç. [online]. 2011, vol.22, n.57, pp. 319-337. ISSN 1519-7077.  http://dx.doi.org/10.1590/S1519-70772011000300006.

Este estudo aborda a questão da ética nas pesquisas científicas em contabilidade e tem por objetivo principal compreender como os acadêmicos de contabilidade percebem as questões éticas em três dimensões: a) Questões éticas relacionadas com o processo de pesquisa; B) Questões éticas referentes a relação entre orientador e orientando e C) Questões éticas entre pares no desenvolvimento de pesquisas conjuntas e na divulgação dos seus resultados. Para tanto, foi desenvolvido um questionário baseado em: Gustafsson et al. 1984; Creswell (2003); Needles, Jr., (2008); Miyazaki e Taylor (2008) e Leite et al. (2010). Do total de questionários enviados (218), 56 foram devolvidos, o que representa 26% da população de 218 professores permanentes dos 18 programas de pós-graduação brasileiros de contabilidade. No geral, os resultados sugerem que todas as questões propostas no questionário foram consideradas como valores éticos de extrema importância na percepção dos entrevistados. A análise pareada dos dados sugere que alguns valores que são considerados importantes pelos respondentes não são praticados por eles na mesma intensidade; enquanto outros que não são considerados como de extrema importância são intensamente praticados e não se podem ignorar essas diferenças. Em sínstese, com base no conceito de Foucault sobre a "relação consigo mesmo" (FOUCAULT, 1984), considera-se que os resultados deste estudo merecem uma reflexão cuidadosa por parte dos acadêmicos, a fim de aprimorarem o seu comportamento ético, uma vez que isso reflete o consenso do comportamento moral de uma amostra significativa dos pesquisadores brasileiros em contabilidade.

Palavras-chave : Ética; Pesquisa contábil; Foucault.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português