SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 issue3The Ichthyofauna of Savannas from Marajó Island, State of Pará, BrazilEpigean and subterranean ichthyofauna in Cordisburgo karst area, eastern Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Biota Neotropica

On-line version ISSN 1676-0611

Abstract

CIELO-FILHO, Roque et al. Ampliando a densidade de coletas botânicas na região da bacia hidrográfica do Alto Paranapanema: Caracterização florística da Floresta Estadual e da Estação Ecológica de Paranapanema. Biota Neotrop. [online]. 2009, vol.9, n.3, pp.255-276. ISSN 1676-0611.  http://dx.doi.org/10.1590/S1676-06032009000300025.

A necessidade de ampliação da densidade de coleta em escala nacional, tanto para subsidiar a identificação de áreas prioritárias para conservação como para ampliar o conhecimento sobre a biota do país, tem sido enfatizada em diversas análises recentes sobre a biodiversidade brasileira. No caso das plantas, a densidade de coleta em escala nacional (0,44 exsicatas/km2) está bem abaixo do considerado adequado para um conhecimento completo da flora (3 exsicatas/km2) ou mesmo para a avaliação da riqueza de uma determinada região (1 exsicata/km2). Análises recentes têm revelado que mesmo nas regiões Sul e Sudeste, dotadas de mais infra-estrutura e maior número de botânicos, a densidade de coletas é insatisfatória. No estado de São Paulo algumas regiões têm sido consideradas carentes em esforço de coleta. Uma dessas regiões corresponde à bacia hidrográfica do Alto Paranapanema. Este trabalho apresenta os resultados de um inventário realizado na Floresta Estadual e Estação Ecológica de Paranapanema (23º 32' 02" S e 48º 45' 29" O), e é parte de um projeto mais amplo, cujo objetivo é ampliar a densidade de coletas botânicas naquela região. As unidades de conservação possuem 900 ha de Floresta Estacional Semidecidual. As trilhas pré-existentes e as abertas para este estudo foram georreferenciadas e percorridas mensalmente no período de junho de 2007 a julho de 2008. Foram efetuadas 693 coletas de plantas férteis, sendo inventariadas 489 espécies, pertencentes a 294 gêneros e 98 famílias botânicas, assim distribuídas nas formas de vida: 291 árvores (59,5%), 72 lianas (14,7%), 58 arbustos (11,9%), 45 ervas (9,2%), 19 epífitas (3,9%) e 4 hemiparasitas (0,8%). Quinze espécies encontram-se ameaçadas de extinção. A riqueza de espécies concentrou-se em Myrtaceae (37 espécies), Fabaceae-Faboideae (32), Rubiaceae (28), Bignoniaceae (23), Asteraceae (20), Lauraceae (17), Apocynaceae (15), Melastomataceae (13), Euphorbiaceae, Malvaceae e Fabaceae-Mimosoideae (12 cada). A densidade de coleta no município de Paranapanema passou de 0,027 para 0,71 exsicatas/km2.

Keywords : floresta Atlântica; floresta Semidecidual; biodiversidade; esforço de coleta; formas de vida.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License