SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.42 issue4Usefulness of Boolean rules applied on the release of hormonal and tumor markers tests resultsExpression of BCL-2 and BAX proteins in human astrocytic tumors author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial

Print version ISSN 1676-2444

Abstract

SEKI, Mario et al. Avaliação dos intervalos de referência de lípides e lipoproteínas para crianças e adolescentes: associação das dislipidemias e sobrepeso em escolares de 4 a 19 anos de idade de Maracaí (São Paulo). J. Bras. Patol. Med. Lab. [online]. 2006, vol.42, n.4, pp. 265-270. ISSN 1676-2444.  http://dx.doi.org/10.1590/S1676-24442006000400007.

OBJETIVO: Avaliar os intervalos de referência de lípides e lipoproteínas estabelecidos para crianças e adolescentes de Maracaí, São Paulo, através das associações das dislipidemias com sobrepeso em escolares de quatro a 19 anos de idade daquela cidade. MÉTODOS: Foram determinados perfis lipídicos e índices antropométricos de 2.481 estudantes de ambos sexos estratificados em duas faixas etárias de quatro a nove anos (n = 1.121) e dez a 19 anos (n = 1.360). Os pontos de corte para categorizar as dislipidemias foram estabelecidos em estudos prévios sobre os intervalos de referência de lípides e lipoproteínas para crianças e adolescentes de Maracaí. RESULTADOS: Na faixa etária de quatro a nove anos, as associações de triglicérides > 130mg/dl (ambos os sexos) e colesterol da lipoproteína de baixa densidade (LDL-C) > 101,1mg/dl (sexo masculino), com sobrepeso, foram estatisticamente significativas. Entre os alunos de 10 a 19 anos, as associações de triglicérides > 131mg/dl (ambos os sexos), de colesterol total > 161,3mg/dl (sexo masculino) e LDL-C > 93mg/dl (sexo masculino), com sobrepeso, foram estatisticamente significativas. Os valores de corte estabelecidos pelo percentil 5 de colesterol da lipoproteína de alta densidade (HDL-C), para ambos os sexos e grupos etários, não apresentaram associações estatisticamente significativas com sobrepeso. CONCLUSÃO: Os resultados apresentados fornecem subsídios para estudos sobre os intervalos de referência de lípides e lipoproteínas, para crianças e adolescentes, e permitem ampliar discussões sobre os valores dos pontos de corte adequados que possam definir dislipidemias na população infanto-juvenil brasileira.

Keywords : Intervalos de referência; Dislipidemia; Colesterol; Triglicérides; Crianças; Adolescentes.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese