SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.43 issue4Immunohistochemical expression of c-erbB-2 and EGFR in esophageal squamous cell carcinomaAnalysis of internal and external factors potentially relevant to the diagnosis in immunohistochemistry in a public reference laboratory author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial

Print version ISSN 1676-2444

Abstract

SERAPIAO, Mônica; SERAPIAO, Maria Jose  and  SERAPIAO, Carlos Jose. Necropsias de neonatos, fator da melhoria da qualidade nas UTIs neonatais. J. Bras. Patol. Med. Lab. [online]. 2007, vol.43, n.4, pp. 285-296. ISSN 1676-2444.  http://dx.doi.org/10.1590/S1676-24442007000400011.

Neste estudo foram estudados 552 casos de necropsia de neomortos provenientes de unidades de terapia intensiva neonatais (UTINs). Desses, 265 apresentaram algum tipo de enfermidade ou lesão não esperada conseqüentes (direta ou indiretamente) a seu manuseio diagnóstico e/ou terapêutico. Os casos foram agrupados por tipo de enfermidade, em seus respectivos órgãos ou sistemas, que ressaltou a prevalência de lesões pulmonares, como membrana hialina, enfisema intersticial, displasia broncopulmonar e alterações graves em nível de sistema nervoso central (SNC), sinalizando o prognóstico quanto à qualidade de vida. Como parte das medidas terapêuticas, devem ser analisados os acessos arteriais e venosos dos vasos umbilicais, com suas complicações, e o acesso venoso profundo, propriamente dito, para nutrição parenteral total, com graves complicações fatais para o lado do coração, como endocardite fúngica e tamponamento cardíaco por "Intralipid". Foram discutidas as resultantes multissistêmicas dos quadros de hipotensão e choque: enterocolite necrotizante e necroses corticomedular, renal, hepática e miocárdica. Este trabalho ressalta o valor da necropsia na melhoria da qualidade das UTINs, bem como apresenta várias situações em que o diagnostico só foi conhecido devido à necropsia ou, então, o resultado modificou, de certa forma, a abordagem terapêutica futura. A consulta e a análise da literatura demonstram a virtual inexistência de metodologia adequada para desenvolver e estabelecer um comportamento que propicie o exercício sistemático de aferição do desempenho organizacional, e que reduza sensivelmente as possibilidades de efeitos indesejáveis relacionados com rotinas e procedimentos operacionais nesse campo da prática assistencial. As principais causas de insucesso parecem ser creditadas à tecnologia de máquinas e substâncias, cuja adequação à biologia dos organismos em desenvolvimento não é plenamente conhecida no que se refere à influência exercida por um grande número de variáveis fisiopatológicas atuantes no procedimento terapêutico.

Keywords : UTIs neonatais; Necropsia pediátrica; Controle de qualidade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese