SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.5 número4Lesões vasculares de membros superioresCritérios semiquantitativos de análise da linfocintilografia em linfedema dos membros inferiores índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Jornal Vascular Brasileiro

versão impressa ISSN 1677-5449versão On-line ISSN 1677-7301

Resumo

MEDEIROS, Charles Angotti Furtado de. Comparação entre o laser endovenoso e a fleboextração total da veia safena interna: resultados em médio prazo. J. vasc. bras. [online]. 2006, vol.5, n.4, pp.277-287. ISSN 1677-5449.  http://dx.doi.org/10.1590/S1677-54492006000400007.

OBJETIVO: Comparar a fotocoagulação endovenosa com laser diodo e a fleboextração total da veia safena interna. MÉTODOS: Trata-se de um estudo prospectivo, controlado e cego de 20 pacientes com varizes sintomáticas e insuficiência bilateral da veia safena interna que foram operados entre março de 2002 e fevereiro de 2004. Para cada caso, foram realizadas aleatoriamente (sorteio) as duas técnicas, sendo uma em cada lado. A avaliação pós-operatória consistiu na aplicação de questionários, exame físico e fotografia digital em todos os pacientes desde o 7º dia de pós-operatório. Também foi realizado controle ultra-sonográfico no 30º dia de pós-operatório e pletismografia a ar no 60º dia após a cirurgia. Este projeto foi aprovado pela comissão de ética, e os pacientes foram incluídos ao assinarem o consentimento pós-informação. Os dados foram submetidos a análise estatística com os programas SPSS e SAS. RESULTADOS: A técnica que utilizou o laser endovenoso apresentou dor semelhante, mas menos edema e menos hematoma durante o pós-operatório. O índice de melhora estética e de satisfação com a cirurgia foi de 100% para as duas técnicas, mas a maioria dos pacientes respondeu que o membro operado com o laser foi o mais beneficiado. Houve melhora do tempo de enchimento venoso nos dois grupos, mas sem diferença significativa entre eles. Durante o seguimento (média de 26 meses), houve um caso de parestesia leve e transitória do lado convencional e somente uma recanalização do lado laser. CONCLUSÃO: A fotocoagulação endovenosa para o tratamento da veia safena interna em pacientes com varizes de membros inferiores é segura e apresenta resultados comparáveis aos da fleboextração convencional.

Palavras-chave : Varizes; veia safena; insuficiência venosa; fotocoagulação a laser.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons