SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.5 número4Comparação entre o laser endovenoso e a fleboextração total da veia safena interna: resultados em médio prazoCirurgia de varizes: história e evolução índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Jornal Vascular Brasileiro

versão impressa ISSN 1677-5449versão On-line ISSN 1677-7301

Resumo

SAPIENZA, Marcelo Tatit et al. Critérios semiquantitativos de análise da linfocintilografia em linfedema dos membros inferiores. J. vasc. bras. [online]. 2006, vol.5, n.4, pp.288-294. ISSN 1677-5449.  http://dx.doi.org/10.1590/S1677-54492006000400008.

OBJETIVO: Avaliar se diferentes parâmetros de análise da linfocintilografia permitem a distinção entre membros com e sem linfedema em pacientes com quadro clínico de edema unilateral. MÉTODOS: Levantamento retrospectivo dos exames de 20 pacientes submetidos a linfocintilografia para investigação de edema unilateral de membros inferiores, divididos em pacientes com linfedema primário (grupo 1, n = 7) ou secundário pós-traumático (grupo 2, n = 13). Foi realizada linfocintilografia após injeção subdérmica de soroalbumina humana marcada com tecnécio-99m nos pés, com imagens da região inguinal durante 15 min e imagens dos membros inferiores após 15 min e 1 h. Os parâmetros analisados foram: tempo de aparecimento da cadeia inguinal, índice semiquantitativo (fluxo linfático, difusão intersticial, aspecto dos vasos, tempo de aparecimento e aspecto dos linfonodos inguinais) e inclinação da curva de atividade em função do tempo da região inguinal. As medidas nos membros clinicamente acometidos foram comparadas aos membros sem linfedema em ambos os grupos. RESULTADO: O tempo médio de aparecimento da cadeia inguinal e o índice semiquantitativo foram significativamente maiores nos membros com linfedema que nos membros sem linfedema quando considerados todos os pacientes, com maior retardo e índice semiquantitativo nos membros com linfedema do grupo 1 em relação aos do grupo 2. CONCLUSÃO: A análise do tempo de aparecimento da cadeia inguinal e o índice semiquantitativo fornecem parâmetros objetivos de avaliação do linfedema que podem auxiliar na detecção e seguimento dos pacientes com linfedema.

Palavras-chave : Cintilografia; linfedema.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons