SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.6 número4Efeitos da prostaglandina E1 (PGE1) na gênese de capilares sanguíneos em músculo esquelético isquêmico de ratos: estudo histológicoCorrelação entre o índice tornozelo-braço antes e após teste de deslocamento bidirecional progressivo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Jornal Vascular Brasileiro

versão impressa ISSN 1677-5449versão On-line ISSN 1677-7301

Resumo

COELHO, Simone C. S. et al. Videocapilaroscopia na síndrome de Turner: estudo descritivo. J. vasc. bras. [online]. 2007, vol.6, n.4, pp.325-331. ISSN 1677-5449.  http://dx.doi.org/10.1590/S1677-54492007000400005.

CONTEXTO: Estudos evidenciam distúrbios no metabolismo da glicose na síndrome de Turner. As alterações no endotélio estão descritas em pacientes com resistência insulínica, que pode ocorrer em pacientes com síndrome de Turner, e o estudo dos capilares pela videocapilaroscopia é um exame não-invasivo que permite avaliação da permeabilidade vascular. OBJETIVO: Descrever a morfologia dos capilares na síndrome de Turner usando a videocapilaroscopia. MÉTODO: As pacientes foram estudadas em sala com temperatura controlada, após 20 dias sem manipulação das cutículas. Os capilares foram visualizados por microscópio conectado à televisão e computador, sendo estudados de acordo com os seguintes parâmetros: distribuição de alças, papila, praias desertas, edema, forma, tamanho, fluxo e hemorragia. RESULTADOS: Cinqüenta pacientes com síndrome de Turner foram estudadas, com idades entre 6 e 37 anos. Dezoito (36%) tiveram exame normal com distribuição de alças com padrão em paliçada e sem praias desertas. A papila foi retificada em 13 (26%) e alargada em quatro (8%). Edema ocorreu em 22 (44%) casos. Havia três (6%) capilares ectasiados e três (6%) eram ramificados. Tortuosidade estava presente em cinco (10%) pacientes. Hemorragia ocorreu em um (2%) caso. O fluxo foi rápido em sete (14%), granuloso em cinco (10%) e lento em seis (12%). CONCLUSÃO: Houve uma maior prevalência de anormalidades na videocapilaroscopia na síndrome de Turner, e as alterações mais comuns foram edema e papila retificada.

Palavras-chave : Síndrome de Turner; videocapilaroscopia; endotélio.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons