SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.8 número1Envolvimento macrovascular e esclerose sistêmicaCirurgia de varizes dos membros inferiores em pacientes receptores de transplante hepático: relato de caso índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Jornal Vascular Brasileiro

versão impressa ISSN 1677-5449versão On-line ISSN 1677-7301

Resumo

PENHA, Geane de Souza et al. Mobilização precoce na fase aguda da trombose venosa profunda de membros inferiores. J. vasc. bras. [online]. 2009, vol.8, n.1, pp.77-85. ISSN 1677-5449.  http://dx.doi.org/10.1590/S1677-54492009000100011.

O tratamento convencional da trombose venosa profunda na fase aguda consiste em restrição ao leito. Porém, estudos recentes contestam essa abordagem terapêutica, enfatizando que a mobilização precoce propicia resultados clínicos favoráveis. O objetivo deste estudo foi pesquisar em literatura científica, principalmente ensaios clínicos controlados, sobre a mobilização precoce de pacientes portadores de trombose venosa profunda de membros inferiores na fase aguda. Utilizou-se como estratégia de pesquisa o site PubMed para a busca de estudos relacionados à mobilização precoce, deambulação e trombose venosa profunda na fase aguda. Os artigos consultados abrangeram o período de 1992 a 2007. Em todos os estudos, a mobilização precoce esteve associada à heparina de baixo peso molecular e a terapia de compressão. Estudos avaliados nesta revisão têm demonstrado os benefícios na redução da dor e edema, com melhora da qualidade de vida, pela estratégia terapêutica de mobilização precoce em combinação com anticoagulação e compressão da perna na trombose venosa profunda, sem que ocorra maior risco de desfechos relevantes, como embolia pulmonar e morte.

Palavras-chave : Trombose venosa; deambulação; compressão; extremidade inferior.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons