SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.12 número3Revisao de 15 casos submetidos a oclusao temporaria bilateral de arteria iliaca interna em pacientes com alto risco para hemorragia obstetricaVariacoes anatomicas dos vasos tibiais: diagnostico diferencial de trombose venosa profunda antiga pela ecografia vascular índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Jornal Vascular Brasileiro

versão impressa ISSN 1677-5449

Resumo

NEJM JUNIOR, Carlos Seme; TIMI, Jorge Rufino Ribas  e  AMARAL, Valentina Bistolf. Base eletrônica de dados clínicos e cirúrgicos em isquemia crônica de membros inferiores. J. vasc. bras. [online]. 2013, vol.12, n.3, pp.207-215. ISSN 1677-5449.  http://dx.doi.org/10.1590/jvb.2013.042.

CONTEXTO:

Um sistema eletrônico de protocolo seria capaz de armazenar dados clínicos e possibilitar futuras pesquisas, visando a rapidez, eficiência de cruzamentos e análise de tais dados.

OBJETIVO:

a) criar uma base de dados clínicos cirúrgicos em doenças vasculares e, a partir desta, uma base em Isquemia Crônica de Membros Inferiores; b) informatizar essa base sob forma de um protocolo eletrônico; c) incorporar ao SINPE(c) (Sistema Integrado de Protocolos Eletrônicos); d) realizar um projeto piloto.

MÉTODOS:

Criou-se uma base teórica de dados clínicos sobre as doenças vasculares. O protocolo específico foi criado considerando-se as características individuais das doenças causadoras de Isquemia Crônica de Membros Inferiores. Após seu término, essa base eletrônica e informatizada seria incorporada ao SINPE(c).

RESULTADOS:

O usuário, previamente cadastrado, realizará o cadastro do paciente e selecionará, dentro do protocolo mestre, o protocolo específico em Isquemia Crônica de Membros Inferiores, para acesso aos seus respectivos dados clínicos. Orientado pelas alternativas diretas de preenchimento, o usuário seleciona apenas os dados pertencentes ao seu paciente. Estes podem ser resgatados para pesquisa, mostrando o número de coletas que satisfazem os parâmetros escolhidos e informações estatísticas sobre a mesma.

CONCLUSÃO:

a) a criação da base teórica de dados clínicos e cirúrgicos em doenças vasculares e, a partir desta, em Isquemia Crônica de Membros Inferiores, foi factível; b) a informatização da base teórica sob forma de protocolo eletrônico foi exequível; c) o protocolo eletrônico mestre e específico poderá ser incorporado ao SINPE(c), d) o projeto piloto foi criado com sucesso e testado através do módulo analisador do SINPE(c).

Palavras-chave : banco eletrônico de dados; protocolo eletrônico; registros médicos; cirurgia vascular; isquemia crônica de membros inferiores.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )