SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 número3Pseudoaneurisma idiopático da artéria poplítea: abordagem diagnóstico-terapêutica na urgênciaEstenose de artéria ilíaca externa após transplante renal devido a clampe vascular: relato de um caso índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Jornal Vascular Brasileiro

versão impressa ISSN 1677-5449versão On-line ISSN 1677-7301

Resumo

QUEIROZ, Salomão Israel Monteiro Lourenço et al. Tratamento de hemangioma oral com escleroterapia: relato de caso. J. vasc. bras. [online]. 2014, vol.13, n.3, pp.249-253. ISSN 1677-5449.  http://dx.doi.org/10.1590/jvb.2014.035.

O hemangioma é uma neoplasia benigna comum na região de cabeça e pescoço, e é relativamente rara na cavidade oral, podendo causar prejuízo estético e funcional a depender da sua localização. Sua localização mais frequente é o lábio superior, mas pode ocorrer em outras regiões, como língua, mucosa jugal e palato. O seu tratamento depende, principalmente, do correto diagnostico da lesão, bem como da localização anatômica da mesma. A proposta deste artigo é relatar um caso de hemangioma em lábio superior tratado com esclerose terapêutica com oleato de monoetanolamina (Ethamolin®), considerando as características clínicas e os métodos de diagnóstico desta lesão. Por meio de um diagnóstico preciso e uma conduta terapêutica adequada, o caso apresenta-se com um acompanhamento de um ano, sem sinais de recidiva, e com um resultado estético funcional satisfatório, com regressão total da lesão.

Palavras-chave : hemangioma; escleroterapia; neoplasias de tecido vascular; cavidade bucal; lábio.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )